Mais
×

10 cuidados para tomar antes de viajar para o exterior

dorian2013/iStock/Getty Images

Introdução

Uma viagem ao exterior pode ser a realização de um sonho. Há muitas coisas para planejar antes de levantar voo, como preparar o roteiro, alugar o carro, escolher o hotel e fazer uma lista dos principais pontos turísticos. Tenha em mente também detalhes importantes para sua viagem ser segura e tranquila, como o cuidado com a vacinação, o visto e quanto e como levar dinheiro com você. Do contrário, seu sonho pode virar um pesadelo!

Ryan Fox/iStock/Getty Images

Vacina

Em alguns países, é preciso apresentar o Certificado Internacional de Vacinação devidamente assinado com a comprovação da vacinação contra febre amarela. Tome a vacina com antecedência, pois leva algum tempo até ela oferecer a proteção necessária. Para saber que países exigem vacinação contra febre amarela e outras doenças, cheque o site da Agência Nacional de Vigilância Sanitária: www.anvisa.gov.br /viajante. Depois de tomar a profilaxia, procure um centro de orientação da Anvisa para obter seu certificado.

banarfilardhi/iStock/Getty Images

Passaporte e visto

Se ainda não tem passaporte, é importante solicitar o seu. Para isso, é necessário fazer o pedido pelo site da Polícia Federal: www.dpf.gov.br; pagar a taxa de R$ 156 e agendar o atendimento em um posto da Polícia Federal. O agendamento pode levar meses. Por isso, é importante prestar atenção à data da viagem. Além disso, dependendo do país para o qual vá viajar, pode haver a exigência de visto para os turistas brasileiros. Confira se seu destino exige visto para a entrada no país no site do Ministério das Relações Exteriores: www.portalconsular.mre.gov.br.

agustavop/iStock/Getty Images

Seguro-viagem

Quando pensamos em uma viagem, nos vêm à mente apenas boas imagens, de momentos felizes e alegria. Mas sempre há o risco de você se sentir indisposto ou até mesmo ficar doente enquanto estiver no exterior. Para garantir o atendimento médico, faça um um seguro de viagem antes de sair do País. Fora do Brasil, o atendimento também costuma ser muito caro. O seguro pode cobrir emergências, além de hospedagem após a alta do hospital, voo de volta para casa e até seguro de bagagem.

Digital Vision./Photodisc/Getty Images

Comprovação de vínculo

É importante que o viajante tenha em mãos documentos que comprovem que está viajando a trabalho, estudo ou turismo. O objetivo é mostrar aos agentes da imigração que o objetivo não é imigrar para o país de destino e permanecer lá ilegalmente. Logo, tenha em mãos a passagem de volta, o endereço do hotel onde vai se hospedar e um extrato bancário que comprove que você tem recursos suficientes para se manter no país pelo período da viagem. Você também pode levar documentos que comprovem que você trabalha e tem família no Brasil.

Noel Hendrickson/Digital Vision/Getty Images

Carteira de habilitação e trânsito

Se seu objetivo é alugar um carro no exterior, informe-se se o país de destino exige a Carteira de Habilitação Internacional. Geralmente, os países aceitam a Carteira Nacional de Habilitação brasileira. No entanto, se ocorrer um acidente ou infração às regras de trânsito, uma carteira internacional pode facilitar a comunicação entre o turista e o agente de trânsito. Antes da viagem, estude também as placas de trânsito antes de se aventurar por rodovias desconhecidas sem incidentres nem multas. Procure mapas e, se possível, adquira um GPS.

AndreyPopov/iStock/Getty Images

Dinheiro

Durante o planejamento da viagem, é importante planejar quanto dinheiro será levado. Além disso, você deve decidir de que forma levará os recursos: em espécie, no cartão de crédito, em cheques de viagem, em cartões pré-pagos. Você pode ainda optar por fazer saques no exterior. É importante, antes da viagem, verificar se o cartão de crédito está habilitado para transações fora do Brasil. No caso do cartão de débito, verifique se é possível fazer saques no exterior e quais as taxas cobradas. Pesquise sobre os cartões pré-pagos. Eles são práticos e podem ser recarregados a distância.

inarik/iStock/Getty Images

Saúde

Se o turista tomar medicamentos de forma regular, poderá leva-los na viagem. Eles devem ser acondicionados na mala que será despachada, a não ser que deva ser tomado durante o percurso. Neste caso, deverá estar na mala de mão. É importante que o viajante tenha em mãos a prescrição médica de todos os remédios que estão sendo embarcados. Na bagagem de mão, não pode ser levado nenhum recipiente com mais 100 ml.

Digital Vision/Photodisc/Getty Images

Costumes e segurança

Informe-se sobre as leis do país que vai conhecer. Para fazer seus passeios tranquilamente, verifique a segurança do local que quer conhecer. Peça dicas para os funcionários do hotel. Atente-se a costumes religiosos. Em países muçulmanos, não é aconselhável que mulheres saiam sozinhas, vestindo bermudas ou roupas curtas e decotadas, por exemplo. Saber mais sobre o lugar para onde se está indo pode servir tanto para prevenir pequenos deslizes como para evitar problemas. Se achar necessário, contrate um guia de viagem no local de destino.

Altsteiner78/iStock/Getty Images

Telefones úteis

Você deve levar uma lista de telefones úteis durante a viagem, como do Consulado do Brasil. Caso perca seu passaporte, terá de entrar em contato com este órgão para saber como proceder para voltar para casa. É importante também ter em mãos o telefone de emergência do seguro-viagem e os números do banco e do cartão de crédito, caso perca os cartões ou tebhaproblemas para o saque de dinheiro, por exemplo.

Oko_SwanOmurphy/iStock/Getty Images

Idioma

Antes de viajar, é importante aprender algumas palavras na língua do país de destino. Ainda que fale inglês, você talvez não encontre um interlocutor que tmabém saiba esta língua. Falar na língua do país onde está demonstra respeito e consideração, cartão de visita para o viajante que queira ser bem tratado e acolhido. Uma dica é comprar um livro com algumas frases e palavras mais utilizadas durante a viagem e levá-lo na mala. Ele pode socorrer você em diversos momentos.