×
Loading ...

12 astros de Hollywood que perderam sua fortuna e foram à falência

Getty Images

Introdução

Eles são famosos, têm caríssimas propriedades em seus nomes e fizeram muito sucesso no cinema mundialmente. No entanto, o tempo passou e, atualmente, todos têm em sua trajetória outra característica em comum: a irresponsabilidade com as despesas. Mesmo após arrecadar milhões em filmografias, campanhas e propagandas de TV, alguns artistas conseguiram zerar suas contas bancárias e até mesmo fazer dívidas que ultrapassam a casa dos seis dígitos! Conheça 12 dos astros de Hollywood que foram de um saldo milionário ao vermelho, incluindo alguns que tiveram problemas com a justiça e a Receita Federal.

Scott Gries/Getty Images Entertainment/Getty Images

Burt Reynolds

Com participação em mais de 90 filmes e cerca de 300 aparições na TV norte-americana, parecia improvável que o ator e diretor Burt Reynolds um dia veria suas incontáveis cifras chegarem a um ponto tão crítico. Porém, após inúmeros divórcios e vários investimentos mal planejados, como um restaurante em Atlanta, Georgia, uma equipe de corrida da categoria "Nascar" e o time de futebol americano Tampa Bay Bandits, o ator foi simplesmente à falência. Reynolds acumulou uma dívida pública de US$ 225 mil em impostos, além de US$ 1,2 milhão em financiamento de mansões.

Alberto E. Rodriguez/Getty Images Entertainment/Getty Images

Pamela Anderson

Recentemente, a atriz e modelo canadense teve problemas com a Receita Federal. Pamela ganhou fama e encheu os bolsos após sua participação no seriado americano "SOS Malibú" e dos contratos milionários que assinou para fazer ensaios com revistas. Além disso, ela teve várias participações na TV, como no programa de luta livre WWF, no Big Brother australiano e nas versões americana e argentina do show "Dança dos Famosos", que contribuíram para a consolidação de suas cifras bancárias. Mesmo assim, ela alcançou uma dívida de US$ 370 mil em impostos não pagos à Receita e ao Estado da Califórnia.

Maury Phillips/Getty Images Entertainment/Getty Images

Chris Tucker

De zelador de um restaurante da rede Burger King às telas de cinema e aos palcos de "stand-up comedy". Foi basicamente dessa forma que Chris Tucker chegou ao estrelato. Além de participar em grandes sucessos do cinema, como a trilogia "A Hora do Rush", que rendeu cerca de US$ 60 milhões ao ator, e "O Quinto Elemento" ao lado de Bruce Willis, Tucker também marcou presença nos videoclipes de "You Rock My World" do Rei do Pop, Michael Jackson, e "California Love" do polêmico Tupac Shakur. No entanto, pouco tempo depois de sua ascensão cinematográfica, o ator já devia mais de US$ 12 milhões em impostos.

Matthew Peyton/Getty Images Entertainment/Getty Images

Lindsay Lohan

Atuando em vários seriados, filmes, campanhas e comerciais, Lindsay Lohan obteve uma fortuna de dar inveja a qualquer um. Além disso, a atriz também se aventurou na música e conseguiu um número considerável de discos vendidos. Entretanto, com uma carreira cheia de altos e baixos, Lohan teve que apresentar uma declaração de falência em 2011, aos 25 anos de idade. Após ter problemas com a justiça por dirigir embriagada e torrar quantias exorbitantes em festanças e vícios, a estrela americana chegou ao ponto de não ter o suficiente nem para pagar o aluguel!

Getty Images/Getty Images News/Getty Images

Gary Coleman

A criança mais bem paga da TV na década de 80 sofreu as consequências dos gastos abusivos após se tornar adulto. Bem antes de seu fracasso como candidato a governador da Califórnia e de sua morte em 2010, o protagonista do seriado "Arnold" declarou, em 1999, uma dívida de US$ 72 mil. Quando comparado às dívidas de muitas celebridades de Hollywood, o valor não parece tão alto assim. Porém, levando em consideração a época do ocorrido e o respectivo nível de inflação, o ator teve muita dificuldade de sair do vermelho.

Alberto E. Rodriguez/Getty Images Entertainment/Getty Images

Kim Basinger

Após desistir de sua participação em um filme da companhia Main Line Pictures, Kim Basinger perdeu uma causa judicial e teve que reembolsar US$ 8,1 milhões à produtora. Anteriormente, a atriz já havia desembolsado US$ 20 milhões, no final da década de 80, para adquirir direitos sobre a cidade americana de Braselton, no Estado da Georgia, com o objetivo de fazer do lugar um centro turístico. Por causa de suas dívidas, ela precisou se desfazer da parceria, tendo um prejuízo de US$ 19 milhões, 95% do valor inicial investido no empreendimento.

Kevin Winter/Getty Images Entertainment/Getty Images

Wesley Snipes

Wesley Snipes começou sua carreira de ator em 1986 participando no filme "Wildcats". Alguns anos depois, ganhou popularidade participando do clássico seriado "Jornada nas Estrelas". No entanto, o trabalho que o tornou mundialmente conhecido foi a trilogia "Blade, o Caçador de Vampiros", com o qual arrecadou uma nota preta. Infelizmente, o ator se envolveu em crimes federais e, em 2006 foi acusado de falsificar por vários anos sua declaração do imposto de renda. Quando finalmente decidiu pagar, Snipes adicionou letras de câmbio sem fundo no lugar de cheques. Tudo o que ele conseguiu foram três anos no xadrez.

Carlo Allegri/Getty Images Entertainment/Getty Images

Erin Moran

A atriz da série "Happy Days" não se encontra em seus dias mais felizes atualmente. Após processar a emissora que transmitia o seriado, a CBS, Moran permaneceu longe de grandes projetos. Em julho de 2012, ela obteve certa medida de sucesso na justiça, visto que recebeu um reembolso de US$ 65 mil, bem como a garantia de cumprimento do contrato assinado anteriormente com a emissora. Porém, parece que isso não foi o suficiente para que a atriz retomasse sua carreira e estilo de vida, já que hoje divide um trailer com a família.

Kevin Winter/Getty Images Entertainment/Getty Images

Brendan Fraser

Ele conseguiu enfrentar exércitos do Egito Antigo na trilogia "A Múmia", mas não foi páreo para as dívidas. Se somadas as despesas em hipoteca, pensão alimentícia, divisão de bens, impostos e outros, Brendan Fraser tem um gasto mensal de quase US$ 90 mil. As coisas começaram a piorar em dezembro de 2007, quando o ator decidiu divorciar-se da atriz Afton Smith. Recentemente, o ator entrou na justiça com um pedido de redução dos pagamentos de pensão, afirmando que já não consegue bancar os custos que havia acordado a princípio.

Alberto E. Rodriguez/Getty Images Entertainment/Getty Images

Lena Headey

Ela pode até fazer parte da realeza na TV, mas na vida real está "quebrada". A atriz de "Game of Thrones", Lena Headey, disse em entrevista à TMZ ter apenas US$ 5 em sua conta bancária e espera desesperadamente pelo reembolso do imposto de renda. Lena Headey teve participações em longas modestos por um tempo considerável e não conseguiu arrecadar o quanto esperava. Pouco depois de adquirir sua mansão em Hollywood por US$ 1,8 milhões, a atriz teve que repassar a propriedade com um prejuízo que chegou a ultrapassar os US$ 450 mil.

Gareth Cattermole/Getty Images Entertainment/Getty Images

Nicolas Cage

Após emplacar vários sucessos, desde a década 80, o ator principal da série de filmes "Motoqueiro Fantasma" mostrou que domina a arte de fazer o dinheiro sumir. Nicolas Cage se viu no direito de gastar milhões em alguns itens exóticos, como uma ilha privada nas Bahamas, um jato, várias mansões e dois castelos. Porém, parece que faltaram cartas na manga, isto é, cifras na conta do ator para bancar isso tudo. Para livrar-se de uma dívida de US$ 14 milhões em impostos, ele teve que vender grande parte de suas propriedades.

Charles Norfleet/Getty Images Entertainment/Getty Images

Stephen Baldwin

Embora tenha vivido em 1995 um dos seus melhores momentos como ator participando em "Os Suspeitos", não se pode dizer que a carreira de Stephen Baldwin tenha progredido desde então. Dentre outros papéis menos expressivos, o ator interpretou o personagem Barney em "Os Flintstones em Viva Rock Vegas" e Billy Vorsovich em "Nascido em Quatro de Julho". Em 2009, o ator entrou com um pedido de insolvência no Tribunal Federal, alegando dever US$ 1,2 milhões. Como se isso não bastasse, teve que deixar a sua casa em Nova York por inadimplência, devendo US$ 800 mil em impostos.