×
Loading ...

12 estrelas do cinema que agradam a todos

Thinkstock/Comstock/Getty Images

Introdução

Elas são estrelas de Hollywood, da tela grande e... bem, você entendeu, certo? Nós estamos falando sobre os rostos mais amados, famosos e populares do mundo do cinema. Não importa se eles estão lutando contra alienígenas, descobrindo mundos antigos, combatendo super-vilões mortais, ou resolvendo um homicídio covarde, nós sempre iremos assistir às suas aventuras na telona. Eles levam milhões de espectadores aos cinemas, as vendas de pipoca sobem e todos ficam felizes. É hora de dar uma grande salva de palmas às maiores estrelas da sétima arte.

Kevin Winter/Getty Images Entertainment/Getty Images

Freddy e Medo e Delírio

Ele interpretou um pirata fanfarrão em alto-mar, assumiu o papel de talvez o pior cineasta do mundo - Ed Wood - e nos deu um retrato marcante do lendário "Gonzo", o escritor Hunter S. Thompson, no filme Medo e Delírio. Quem é ele? Johnny Depp. Hoje em dia, Johnny é uma das maiores estrelas do planeta, mas quantas pessoas se lembram de que ele foi vítima de ninguém menos do que Freddy Krueger na sequência original de filmes A Hora do Pesadelo? Johnny deixou sua marca no filme e em nós, mas Freddie deixou uma marca muito mais profunda em Johnny!

Jason Kempin/Getty Images Entertainment/Getty Images

Uma atriz de boca cheia

Brad, seu sortudo! Sim, estamos falando de Angelina. Na verdade, ela é tão famosa que nem precisa dar seu sobrenome. Todos sabem qual é. Ela não só é a mulher que possui os lábios mais sensuais de Hollywood, mas também é alguém que escolhe cuidadosamente seus papéis. Preferindo não ir pelo caminho desgastado e chato dos filmes tipo "garoto conhece garota", a senhorita Jolie (vou citar seu sobrenome, afinal) interpretou a ousada Lara Croft, espiões e assassinos.

Andrew H. Walker/Getty Images Entertainment/Getty Images

O agente secreto mais charmoso

"Bond. James Bond." Você não gostaria de ter esse nome? Só assim você poderia dizer as três palavras imortais e ao mesmo tempo impressionar as garotas. Bem, alguns já carregaram o peso desse nome na franquia de 007: Roger Moore, Pierce Brosnan, Timothy Dalton, George Lazenby e Daniel Craig. Mas nenhum merece tanto esse posto como Sean Connery. Em uma época livre da brigada enfadonha do politicamente correto, 007 não tinha apenas licença para matar: ele também tinha licença para aproveitar todas as oportunidades. Viva Bond e viva Sean!

Frederick M. Brown/Getty Images Entertainment/Getty Images

De Roma para Yorkshire

Se há uma coisa que resume a carreira da grande dama Helen Mirren é a versatilidade. Afinal, essa estrela de teatro, televisão e cinema fez praticamente de tudo. E "tudo" inclui um filme muito interessante, cheio de violência, "orgia-fest" conhecido como Calígula, que ainda perturba a brigada da moral mais de trinta anos depois de seu lançamento. Garotas do Calendário, no entanto, foi uma delicada e clássica comédia britânica ambientada em Yorkshire. A Lenda do Tesouro Perdido: Livro dos Segredos teve Mirren interpretando a mãe de Nicolas Cage em um vertiginoso conto de conspiração histórica. Em outras palavras, essa é uma dama que pode fazer praticamente qualquer coisa.

Ethan Miller/Getty Images Entertainment/Getty Images

Frente a frente com Sir Anthony

Há poucas pessoas que podem comer o rosto de alguém tão espetacularmente como Sir Anthony Hopkins. Ou, melhor dizendo, seu mais famoso alter-ego das telonas, Hannibal Lecter. É uma evidência das habilidades de atuação de um homem que torna difícil ver o filme O Silêncio dos Inocentes como ficção. Mas temos mais a agradecer a ele por transformar canibais em assunto para a tela grande. Confira sua excelente interpretação como um ventríloquo assustador em Magia Negra. Ou seu desempenho magistral em Nixon. E se você não concordar com a gente, vamos enviá-lo para devorar os seus miolos - com alguns feijões de fava e um bom vinho chianti.

Jason Merritt/Getty Images Entertainment/Getty Images

Versatilidade é seu segundo nome

Charlize Theron fez carreira em filmes que são desafiantes e controversos. Sua atuação como a assassina em massa altamente perturbadora Aileen Wuornos em Monster - Desejo Assassino foi uma obra-prima. Para esse filme Theron teve que ganhar mais de dez quilos. Quantas mulheres em Hollywood fariam isso por um papel? Provavelmente não muitas. Para sua informação, ela não se rendeu. Em seguida, houve Terra Fria, uma aclamada saga de superação de assédio sexual. E, não perca seu desempenho breve, mas angustiante e apocalíptico em A Estrada, uma história sombria e imperdível sobre uma guerra nuclear e o colapso da civilização.

Angela Weiss/Getty Images Entertainment/Getty Images

Sozinho para o estrelato

Ele buscou tesouros antigos, enfrentou Adolf Hitler e seu bando nazista e ainda levou Darth Vader ao caminho errado. Se você o prefere como Han Solo de Star Wars ou Indiana Jones, Harrison Ford é, sem dúvida, uma lenda de Hollywood. E nem tudo se deve à ação de seus filmes, no entanto, esse maestro dos filmes conquistou aclamação mundial. Uma Segunda Chance foi um filme comovente sobre um homem que, depois de um crime devastador, reconstrói sua vida destruída. Revelação teve Ford atuando como o vilão que finalmente consegue o que quer. O que temos no final? Grandes filmes!

Amanda Edwards/Getty Images Entertainment/Getty Images

Rebeldia na tela grande

Ao mencionar o nome de Marlon Brando, a maioria das pessoas vai apenas pensar numa coisa: lenda de Hollywood. O Poderoso Chefão e Sindicato de Ladrões são apenas duas das muitas obras de arte desse homem. Mas, talvez tenha sido sua interpretação como o motociclista Johnny Strabler em O Selvagem, de 1953, a que lhe rendeu maior repercussão entre os fãs. O personagem de Brando é um motociclista encrenqueiro que veste jaqueta de couro, flerta com as meninas, possui uma rebeldia e ira jovem reprimidas que roda em torno de sua cabeça. E Brando inegavelmente nasceu para esse papel. Quando perguntado: "Contra o que você está se rebelando, Johnny?", ele responde, de forma descolada: "O que que há?" Clássico!

Hemera Technologies/AbleStock.com/Getty Images

Um aventureiro dos velhos tempos

De volta aos anos dourados de Hollywood, muito antes de Brad Pitt e George Clooney existirem, houve Errol Flynn. Uma grande e heróica superestrela das telas de cinema. Flynn trouxe seu próprio charme, humor e emoção para filmes como As Aventuras de Robin Hood, o filme de piratas Capitão Blood e as Aventuras de Don Juan. Infelizmente, o estilo de vida desregrado de Flynn acabou por devastar seu corpo atlético, uma dia invejável. O galã-estrela das décadas de 1930 e 1940, tornou-se na década de 1950 uma sombra de si mesmo. Mas seus filmes lendários ainda entretêm tanto quanto faziam em todas aquelas décadas atrás.

Pascal Le Segretain/Getty Images Entertainment/Getty Images

Sandra é ouro

Sandra Bullock, sem dúvida, alcançou status estratosférico no mundo do cinema. E foi seu papel ao lado de Keanu Reeves em Velocidade Máxima, de 1994, que realmente alavancou sua carreira nas telonas. Sandra, felizmente, não seguiu a abordagem fácil de aceitar papéis sem conteúdos e insossos. Cálculo Mortal - lançado em 2002 - é uma história perturbadora de morte e mentes deformadas. Enquanto Crash - No Limite, de 2004, lida habilmente com a questão do racismo. E não são apenas os fãs que agradecem a Sandra: ela é vencedora de um Oscar e um Globo de Ouro. No entanto, o filme Desafio Final, de 1989, é melhor ser esquecido.

Stephen Lovekin/Getty Images Entertainment/Getty Images

Ameaçadoramente divertido

Se há uma pessoa que sabe fazer uma ameaça, ela é Robert De Niro. Ele quase faz isso bem demais! Mas, para nós, nas salas de cinema, isso é uma boa notícia. Vamos entender: quando se trata de filme de bandidos e mafiosos, não há ninguém melhor do que De Niro. Ele estrelou O Poderoso Chefão II, Os Bons Companheiros e Cassino. Emplacou no mercado muito antes, quando a Família Soprano ainda era apenas um sonho. E os filmes Touro Indomável e O Franco Atirador? Imperdíveis. Tudo o que podemos acrescentar é que, para ter uma boa noite, basta um bom filme de De Niro!

Mike Coppola/Getty Images Entertainment/Getty Images

De Hollywood para a Área 51

Será que é legal correr ao redor do planeta e explodir alienígenas, zumbis e todos os tipos de criaturas estranhas? Bem, Will Smith evidentemente ama fazer isso, pois ele fez exatamente isso como um dos Homens de Preto, como um dos últimos remanescentes da humanidade em Eu sou a Lenda e como um piloto de caça em Independence Day. E nós todos vamos sentar e assistir à ação conforme Will salva o planeta, geralmente fazendo algo genial. Sem contar que ele ainda pode ver o interior da área 51! Isso é que é estrela!