O que acontece se você colocar fermento na Coca-Cola?

Escrito por timothy burns | Traduzido por alice matos
  • Compartilhar
  • Tweetar
  • Compartilhar
  • Pin
  • E-mail
O que acontece se você colocar fermento na Coca-Cola?
Muitos itens caseiros diários, como Coca-Cola, podem ser usados para ensinar principios científicos (Jupiterimages/Goodshoot/Getty Images)

Jogar algumas balas Mentho em Coca-Cola e outras bebidas carbonatadas cria um vulcão explosivo de chuva doce e grudenta. Mas o que acontece quando outros catalisadores são derramados em líquidos carbonatados? Quando o catalisador é fermento, o resultado não é nem um pouco divertido de assistir.

Consume açúcar

Fermento é um fundo vivo, um esporo que age como qualquer outra criatura viva. No ambiente certo, fermento vai comer suas comidas favoritas, diferi-los e criar energia e crescimento de combustível, então excretar um bioproduto químico. Ele consome açúcares naturais, mas não adoçantes artificiais, como sacarina. Entretanto, quando ele é jogado em Coca-Cola ou outras bebidas adoçadas naturalmente, sua primeira resposta é consumir açúcar.

Aumento de combustíveis e reprodução

Conforme o fungo consome açúcar, a energia é convertida e alimenta duas funções biológicas distintas. Primeiro ele se multiplica segundo um processo chamado mitose. Esta reprodução assexuada não requer componentes macho e fêmea. Os esporos individuais do fermento se replicam e se dividem em dois esporos fúngicos idênticos. O segundo produto da reação química entre o fermento e o açúcar presente no refrigerante é o CO2. Dióxido de carbono é liberado como um bioproduto do processo digestivo do fermento. Todas as plantas e animais vivos transpiram ou excretam algum tipo de produto depois de ingerir comida. O bioproduto do fermento, o resultado direto do consumo de açúcar, é a secreção de CO . Se uma bexiga for colocada no topo de uma garrafa de Coca de pois de se adicionar o fermento, o CO vai inflar o balão.

Produção de álcool

Conforme o açúcar é consumido da Coca líquida, a bebida é convertida a uma bebia com leve teor de álcool. Muito parecida com a diferença entre vinho regular e seco, que tem uma quantidade menor de açúcar, o refrigerante carbonatado é convertido em uma solução com uma alta concentração de C2H5OH, um álcool de cadeia simples. Este processo não deve ser confundido com a criação de álcool. O vinho é uma combinação de bebida carbonatada infundida com teor de álcool. A reação entre Coca e fermento não produz um sabor agradável como o vinho. O resultado é provavelmente produzido pela alta quantidade de preservantes na Coca. Vinho é produzido conforme o fermento consome e reage com grandes quantidades do açúcar natural sucrose. Na Coca, o fermento consome açúcar e xarope de milho com muita frutose, mas cria uma bebida álcoolica com sabor desagradável.

Aumento do pH

Em líquidos, o pH é a medida da acidez de uma substância. Soluções de pH alto tem alta concentração de sais. Baixos níveis de pH são, tipicamente, acídicos quando tem uma quantidade alta de radicais hidrogênio ou OH. Compostos altamente ácidos e com muito sal estão na extremidade oposta do mesmo espectro. Conforme o álcool é produzido na Coca-Cola líquida, a quantidade de hidrogênio aumenta. Este processo químico resulta em diminuição do nível de pH.

Filtro:
  • Geral
  • Artigos
  • Slides
  • Vídeos
Mostrar:
  • Mais relevantes
  • Mais lidos
  • Mais recentes

Nenhum artigo disponível

Nenhum slide disponível

Nenhum vídeo disponível