Mais
×

Dê adeus a cinco compras compulsivas

Resista a tentação
Jupiterimages/Goodshoot/Getty Images

Introdução

Não é de se admirar que as lojas estão preocupadas em atrair consumidores para compras compulsivas. O posicionamento estratégico e a organização dos produtos nas gôndolas do supermercado rendem muitas cifras para o caixa. Estima-se que quase 40% dos gastos dos consumidores é feito por impulso ou compras não planejadas. Isso é comprovado na compra "inocente" de uma lata de refrigerante no posto de gasolina ou reserva de um cruzeiro pela internet. As motivações para comprar podem ser várias: tédio, diversão, prazer emocional e até distração. Mas 88% dos consumidores compram por impulso. Eles acreditam que vão ganhar alguma vantagem e não podem resistir a uma oferta. Custe o que custar, cuide do seu bolso! Aprenda a dizer adeus às compras por impulso com as dicas que preparamos para você!

iStock TerryJ

Equipamentos para exercício físico

Quer perder peso? E a flexão de braço? A caminhada no parque faz mais o seu estilo? Muitas famílias gastam fortunas em equipamentos esportivos para depois transformá-los naquele elefante branco dentro de casa. Se você não tem um plano sólido para praticar, evite a compra de qualquer tipo de máquina de exercícios, principalmente se for de um comercial de TV. Caso esteja disposto a se tornar uma pessoa mais saudável, lembre-se que esses equipamentos diminuem muito mais o dinheiro da carteira que aquela gordura localizada na barriga!

iStock heidijpix

DVDs

Se você está na faculdade ou tem menos de 10 anos é provável que assista um DVD mais de uma vez. Alugar filmes é mais em conta que comprar DVDs originais. E não é preciso ir até a videolocadora, muitas páginas de internet permitem alugar on-line. Reduza seus gastos de compra alugando filmes.

iStock skynesher

Carro novo

Comprar um carro novo por impulso pode ser um erro caro. Ao comprar de uma concessionária, a depreciação do veículo começa imediatamente. Ele perde entre 15 e 20% do valor real a partir do momento que sai da loja. Gastos com impostos e licenças também devem ser considerados. Apesar dos juros baixos e a facilidade na compra de um zero quilômetro, alguns consumidores estão percebendo que o carro novo pode trazer remorso ao comprador se a compra é feita por impulso.

iStock jessicaphoto

Animais de estimação

Sempre há filhotes lindos à venda em um pet shop perto de casa. É difícil resistir ao desejo de adotar um novo amigo peludo. Em geral, animais de estimação bonitinhos e fofinhos, como hamsters, porquinhos-da-índia, cachorros e gatos estão entre os preferidos. Lagartos e outros répteis também podem se tornar companheiros. Animais de estimação comprados por impulso podem trazer arrependimento para aqueles que não consideram as responsabilidades, cuidados e despesas com os bichinhos. Muitos donos perdem o interesse no animal depois da compra, o que pode levar ao abandono. Ter um animal de estimação é uma grande responsabilidade e não uma decisão para ser tomada sob impulsos e emoções.

iStock IsaacLKoval

Revistas

Se você não consegue resistir as revistas de fofocas antes de passar pelo caixa, leia isso: a compra de cinco revistas (a cinco reais por mês) equivale a R$300 por ano. A venda de revistas diminuiu por causa dos dispositivos móveis que permitem aos usuários visualizar conteúdos on-line. Enquanto o valor anual gasto por cliente em jornais e revistas reduziu 38%, o acesso à internet quadruplicou! Grande parte do conteúdo das revistas impressas está disponível na internet e são grátis.

iStock gillian08

Produtos da loja de conveniência

A margem de lucro desses lugares é enorme. E são nos momentos de fraqueza que mais consumimos na loja de conveniência, tudo para satisfazer alguns desejos rapidamente. Na hora da compra, nos sentimos bem. Mas o efeito pesado caiu no bolso! Os produtos podem ser até 125% mais caros que em qualquer outro estabelecimento comercial. Antes de entrar na loja comprando tudo, pense em tomar uma boa xícara de café quando chegar em casa.