Como agradecer as condolências recebidas pela morte de um cônjuge

Escrito por marie jones | Traduzido por ana olson
  • Compartilhar
  • Tweetar
  • Compartilhar
  • Pin
  • E-mail
Como agradecer as condolências recebidas pela morte de um cônjuge
A morte do cônjuge nunca é fácil (Hemera Technologies/AbleStock.com/Getty Images)

A perda do cônjuge é provavelmente a perda mais dolorosa que você já experimentou, e nenhuma quantidade de condolências ou arranjos de flores vai aliviar essa dor. Seus amigos e familiares, naturalmente, querem ajudar nesse momento, mas muitos podem não ter certeza sobre o que dizer a você. Reserve um tempo para agradecer a todos aqueles que deram suas condolências pela morte de seu cônjuge.

Nível de dificuldade:
Moderado

Outras pessoas estão lendo

O que você precisa?

  • Cartões de agradecimento

Lista completaMinimizar

Instruções

  1. 1

    Escreva uma breve nota de agradecimento aos convidados que compareceram ao funeral e a quem enviou um presente, um cartão ou flores. Sua mensagem deve ser breve e não precisa ser excessivamente pessoal ou emocional. Você pode simplesmente dizer: "Obrigado por ter vindo ao funeral. Sua presença significou muito para mim". Se você quiser dizer algo mais, não tem problema, mas lembre-se que mesmo um simples reconhecimento será muito bem recebido.

  2. 2

    Coloque um breve anúncio em seu jornal local, boletim da igreja ou da companhia para agradecer publicamente a quem enviou um presente ou compareceu ao funeral. Este método é especialmente útil se você não consegue se lembrar de todos que participaram e quer evitar excluir alguém acidentalmente.

  3. 3

    Fale com as pessoas que tenham oferecido consolo e agradeça-lhes por seu tempo e presença no funeral. Seu agradecimento pode ser breve, mas deve expressar sua gratidão. Por exemplo, você pode dizer: "Muito obrigado por estar aqui ao meu lado" ou "Sua presença é muito importante para mim".

Não perca

Filtro:
  • Geral
  • Artigos
  • Slides
  • Vídeos
Mostrar:
  • Mais relevantes
  • Mais lidos
  • Mais recentes

Nenhum artigo disponível

Nenhum slide disponível

Nenhum vídeo disponível