Alergias & espirros causados por coelhos

Escrito por nicole papa | Traduzido por ricardo castiglioni
  • Compartilhar
  • Tweetar
  • Compartilhar
  • Pin
  • E-mail
Alergias & espirros causados por coelhos
Espirrar é um sinal de uma alergia a coelho (a wild rabbit image by Tom Oliveira from Fotolia.com)

Mais de 40 milhões de americanos sofrem de alergia a animais de estimação, de acordo com a Asthma and Allergy Foundation of America. A alergia a coelhos ocorre quando o sistema imunológico reconhece os subprodutos do animal e os vê como uma possível ameaça. A clínica Mayo afirma que o corpo libera histamina e anticorpos para atacar as proteínas animais, causando sintomas comuns da alergia como espirros.

Outras pessoas estão lendo

Causa

A febre do feno é o resultado mais comum de alergia a coelhos, de acordo com o site Health Central. O pelo do animal faz com que os seios paranasais se tornem irritados. A irritação causa um corrimento nasal e uma sensação de coceira no nariz. Combinada com o corpo tentando se livrar do alérgeno, ela provoca espirros agressivos, muitas vezes descontrolados.

Prevenção

A melhor maneira para evitar espirros de uma alergia a coelho é evitar o alérgeno, tanto quanto possível. Se você possui um, considere colocá-lo ao ar livre durante os meses quentes de verão e em uma garagem ou porão durante os meses de inverno. Não mantenha o animal em espaços comuns ou no quarto. Depois de tocá-lo, lave as mãos e limpe a roupa com um rolo tira-pelos. Considere a possibilidade de se livrar do coelho, se os sintomas não melhorarem.

Tratamento

De acordo com a House Rabbit Society, sprays nasais com medicamentos anti-inflamatórios podem ser eficazes no tratamento de espirros e outras complicações nasais. Converse com o médico sobre fazer um teste para alergia a coelho para confirmar se ele é o culpado. Se o resultado for positivo, consulte um alergista para determinar se vacinas contra alergia podem ser aplicadas. Se confirmado, veja se pode usar o pelo do coelho nelas.

Precauções

Mantenha a casa limpa e livre de pelos de animais. Não toque o coelho com o rosto e use óculos de proteção ao manuseá-lo. Use uma máscara facial diretamente sobre a boca e nariz para evitar que o pelo entre nas vias nasais.

Complicações

A ocorrência de espirros na presença de coelhos é um sinal que você está enfrentando uma reação alérgica. Ela é comumente acompanhada de outras reações nasais como congestão nasal, sinusite, pressão e descarga. Se ficar exposto a um coelho por um longo período de tempo, há o risco de desenvolvimento de infecção sinusal ou pólipos nasais.

Não perca

Filtro:
  • Geral
  • Artigos
  • Slides
  • Vídeos
Mostrar:
  • Mais relevantes
  • Mais lidos
  • Mais recentes

Nenhum artigo disponível

Nenhum slide disponível

Nenhum vídeo disponível