Algas barba-negra em plantas de aquário

Escrito por charla mills | Traduzido por luciana p. s. lopes
  • Compartilhar
  • Tweetar
  • Compartilhar
  • Pin
  • E-mail
Algas barba-negra em plantas de aquário
A alga barba-negra pode arruinar a aparência do seu aquário bem rápido (Jupiterimages/Photos.com/Getty Images)

Geralmente, a alga barba-negra é transportada para um aquário por meio de plantas que já o habitam. Uma vez introduzidas e no ambiente correto, essas algas crescerão rapidamente, tomando conta do tanque com seus filamentos negros e felpudos. O maior impacto na intensidade do crescimento da barba-negra em um tanque é causado pela iluminação e pelos habitantes do aquário.

Outras pessoas estão lendo

Introdução e aparência

A alga barba-negra é geralmente introduzida por meio de plantas aquáticas e raramente por plantas de aquário ou caracóis. Pode aparecer em forma de tufos ou como uma cobertura uniforme. Como seu nome indica, a alga apresenta uma coloração preta e costuma ter filamentos de cerca de 1 centímetro de comprimento. Ela crescerá em plantas naturais ou artificiais, decorações, nas paredes do tanque e nas pedras, podendo espalhar-se muito rapidamente nas condições adequadas.

Iluminação do tanque

Uma iluminação fraca geralmente contribui com a disseminação das algas barba-negra, pois não proporciona as condições apropriadas para que as plantas naturais se desenvolvam e, dessa forma, inibam o crescimento dessas algas. Entretanto, durante o período de tratamento, a iluminação do tanque deve limitar-se a 6 horas por dia para ajudar a eliminá-las. A luz também garante que os habitantes do aquário tenham uma quantidade de horas ativas o suficiente para limpar as algas, caso tenha animais que se alimentem delas.

Habitantes do tanque

Existem alguns poucos peixes e invertebrados que podem ajudar a controlar todos os tipos de algas. Os comedores de algas siamês, acará e molinésia preta são conhecidos por se alimentarem da barba-negra, bem como o caramujo-maçã e o camarão Takashi Amano. Qualquer um desses peixes deve ajudar a controlar a população de algas no seu tanque.

Remoção das algas

O primeiro passo é retirar quaisquer algas visíveis nas plantas naturais utilizando uma escova ou simplesmente removendo as folhas que apresentam crescimento de algas. Retire todos os itens de decoração do tanque, mergulhe-os em uma solução de água e alvejante na proporção 10:1 e esfregue com uma escova. Enxágue bem antes de recolocar as peças no aquário. Aspire as pedras para remover qualquer alga restante. Reduza a iluminação do tanque para seis horas diárias enquanto estiver aplicando o tratamento. Alguns removedores químicos são seguros para as plantas naturais, mas não deixe de ler o rótulo cuidadosamente. A remoção física e a introdução de peixes comedores de algas pode controlá-las sem intervenção química.

Não perca

Filtro:
  • Geral
  • Artigos
  • Slides
  • Vídeos
Mostrar:
  • Mais relevantes
  • Mais lidos
  • Mais recentes

Nenhum artigo disponível

Nenhum slide disponível

Nenhum vídeo disponível