Por que algumas pessoas têm um odor corporal tão ruim?

Escrito por michelle j. wong | Traduzido por henry alfred bugalho
  • Compartilhar
  • Tweetar
  • Compartilhar
  • Pin
  • E-mail
Por que algumas pessoas têm um odor corporal tão ruim?
O nosso cheiro pode afetar o modo como os outros nos percebem (Hemera Technologies/AbleStock.com/Getty Images)

Outras pessoas estão lendo

Odor corporal

Vamos encarar este fato. Algumas pessoas simplesmente fedem. Esteja você preso dentro de um ônibus lotado, em um elevador ou até mesmo passando por alguém pelo parque, algumas pessoas têm odores corporais mais fortes do que outras. Apesar de todos nós termos odor corporal, ele pode ser específico para certos indivíduos. O nosso cheiro pode afetar o modo como os outros nos percebem ao ponto de fragrâncias, como perfumes e colônias, terem se tornado uma grande indústria.

Transpiração

É do senso comum que a transpiração é uma rota para o nosso odor corporal. Contudo, suor não é por si a causa do cheiro. O odor é o que ocorre quando a bactéria em nossa pele entra em contato com o suor. Certas partes de nossos corpos tendem a estar mais associadas a odores corporais do que outras, como axilas e a púbis, que contém glândulas sudoríferas apócrinas que secretam um suor que se dissolve e causa odores corporais.

Dieta e medicamento

O odor corporal em algumas pessoas é grandemente influenciado por aquilo que comem e por medicamentos e vitaminas que estão tomando. Por exemplo, pessoas que tomam quantidades excessivas do suplemento alimentar colina podem começar a exalar um odor corporal de peixe. Aqueles que comem em abundância alimentos como cebolas e alho podem secretar óleos pungentes através de sua pele.

Doença

Em alguns casos, o odor corporal pode ser um sinal de algum tipo de doença. Infecções anaeróbicas no corpo, na boca ou no trato intestinal, por exemplo, causarão que a pessoa emita cheiros sulfurosos de ovo podre. Insuficiência renal pode fazer com que a pessoa emita odores de urina. Diabéticos geralmente têm um hálito frutoso ou doce porque é como funciona seu metabolismo.

Genética e herança

Às vezes, nossos odores corporais são resultado de codificação genética e adaptações de nossas linhas genéticas ocorridas através de gerações. Moléculas de complexo principal de histocompatibilidade (MHC), um conjunto de genes conectados que controlam a capacidade do corpo em reconhecer e expelir substâncias estranhas, possuem um papel importante na imunidade e podem ser uma força por detrás da seleção de parceiro. Cientistas acreditam que o nosso odor corporal pode ser determinado geneticamente ao decodificar o tipo de cera de ouvido que temos. De acordo com Live Science, um grande percentual de asiáticos orientais (japoneses, chineses e coreanos) tem cera seca, que corresponde a um menor odor corporal.

Como prevenir odor corporal

A higiene é um fator importante em se tratando de odor corporal. Para preveni-lo é importante manter bons hábitos higiênicos como banhar-se com sabonete, usar desodorante nas axilas e manter secas as áreas que tendem a ficar úmidas por suor. Também lembre-se de que sua dieta pode afetar seu cheiro. Talvez seja melhor consumir menos cebolas, alho, comidas gordurosas e óleos, ou visitar um nutricionista.

Não perca

Filtro:
  • Geral
  • Artigos
  • Slides
  • Vídeos
Mostrar:
  • Mais relevantes
  • Mais lidos
  • Mais recentes

Nenhum artigo disponível

Nenhum slide disponível

Nenhum vídeo disponível