Como aliviar a ansiedade na menopausa

Escrito por marisa serafini | Traduzido por letícia oliveira
  • Compartilhar
  • Tweetar
  • Compartilhar
  • Pin
  • E-mail
Como aliviar a ansiedade na menopausa
A menopausa é um processo natural, mas pode trazer certos desconfortos (Hemera Technologies/AbleStock.com/Getty Images)

A menopausa é um processo natural no qual as mulheres experimentam uma queda do hormônio estrogênio e o fim das menstruações. A menopausa normalmente ocorre entre os 40 e 50 anos e vem com uma série de sintomas como sudorese noturna, depressão e secura vaginal. Muitas mulheres na menopausa reclamam de uma ansiedade fora do normal. Existem, porém, métodos para reduzir a ansiedade durante a menopausa.

Outras pessoas estão lendo

Administrando o estresse

O estresse da vida cotidiana podem piorar bastante a menopausa. Uma forma de controlar a ansiedade é encontrar uma forma de administrar o estresse diário. Tente ir com mais calma no trabalho ou pedir mais ajuda da família. Meditação é outra maneira interessante de se reequilibrar. Tire alguns minutos todos os dias, não importa como esteja se sentindo, e aquiete a mente. Você precisará encontrar um local calmo e onde não seja incomodada. Feche os olhos e elimine todos os pensamentos da mente. Foque apenas na respiração. Quando sentir-se relaxada novamente, prossiga com as atividades do dia.

Quando se trata de administrar o estresse, o caminho da meditação é o único a ser seguido. Exercícios de visualização e imaginação orientados podem ser muito relaxantes. Você poderá fazê-los sozinha ou com a ajuda de um terapeuta ou uma gravação em áudio. Tai chi, yoga e aromaterapia também podem ajudar a reduzir o estresse e reduzir a ansiedade.

Dieta e exercícios

O seu nível de condicionamento físico e o que come têm um impacto na alteração do nível de ansiedade de um dia para o outro. Álcool, nicotina e cafeína podem deixa-la agitada, deprimida e sim, ansiosa. Evite essas substâncias a todo custo e se sentirá melhor e mais saudável. Muito açúcar e comida gordurosa causam um aumento repentino das taxas de açúcar no sangue, contribuindo para a ansiedade. Tente fazer uma dieta balanceada com pouca gordura saturada e açúcar. Coma muitas frutas e verduras ricos em vitaminas, cereais integrais e proteínas magras. Outra forma de driblar a ansiedade é exercitar-se regularmente. O exercício físico é uma válvula de escape para a energia nervosa.

Tratamentos com ervas

Tratamentos com ervas são outro caminho a ser considerar quando se procura alívio para a ansiedade. Os profissionais especializados em tratamentos com ervas recomendam erva de São Cristóvão, maca, dong quai e trevo vermelho no tratamento para os sintomas da menopausa. A erva de São Cristóvão contém fitoestrógenos, que ajudam o corpo voltar ao normal durante a menopausa. Acredita-se que essa erva reduz a depressão, ansiedade e suores noturnos associados à menopausa. Dong quai também contém fitoestrógenos, bem como vitaminas B12, A e E. Essa erva também proporciona um leve efeito sedativo que ajuda a combater o estresse e a insônia. A maca ajuda a balancear os níveis dos hormônios estrógeno e progesterona no corpo. Outro remédio herbal para a menopausa é o trevo vermelho. Essa erva é altamente recomendada devido a sua habilidade de combater as mudanças repentinas de humor, ondas de calor e até a osteoporose.

Outras opções

Caso sua ansiedade seja muito severa, a melhor opção talvez seja conversar com um médico. Ele talvez prescreva alguma medicação, análise ou tratamento com reposição de hormônios para tratar a ansiedade causada pela menopausa.

Não perca

Filtro:
  • Geral
  • Artigos
  • Slides
  • Vídeos
Mostrar:
  • Mais relevantes
  • Mais lidos
  • Mais recentes

Nenhum artigo disponível

Nenhum slide disponível

Nenhum vídeo disponível