Alívio para a perna inquieta

Escrito por kay miranda | Traduzido por marina villar
Alívio para a perna inquieta

As pernas inquietas movem-se mesmo quando está sentado ou deitado

Brand X Pictures/Brand X Pictures/Getty Images

A síndrome da perna inquieta é uma condição onde suas pernas não estão aptas a ficarem paradas enquanto está sentado ou deitado. Suas pernas podem sentir sensações de formigamento ou inquietação ou uma queimação que se irradia através das pernas. As pernas podem "sair" da cama quando estiver dormindo e você pode se sentir confortável somente quando está em pé ou em movimento. Existem algumas coisas para aliviar a síndrome da perna inquieta.

Outras pessoas estão lendo

Boa manutenção corporal

Manter seu corpo em forma é muito importante para aliviar os ataques dessa condição. Os sintomas da síndrome da perna inquieta são frequentemente precedidos pela falta de movimento. Tenha certeza de manter uma rotina de exercícios regulares sem exercitar os músculos da perna em excesso. A Mayo Clinic sugere fazer os exercícios mais cedo no dia, pois exercícios de tarde ou à noite podem aumentar os sintomas. Tomar banhos mornos ou aplicar compressas quentes em suas pernas também podem ajudar a aliviar os sintomas. A massagem é outra maneira de aumentar a circulação e diminuir as sensações incômodas. O estresse é conhecido por aumentar os sintomas da síndrome da perna inquieta. Desenvolva técnicas de relaxamento que funcionem pra você, como meditação ou ioga.

Dieta

Embora não existam alimentos milagrosos que possam ajudar a eliminar a síndrome da perna inquieta, existem algumas coisas que você pode fazer independente da sua dieta para ajudar a reduzir os sintomas e obter alívio. Tente comer refeições no mesmo horário, especialmente as refeições noturnas. Limite o consumo de cafeína e evite-a completamente de tarde ou à noite. Chás relaxantes, como a camomila, podem ser usados para ajudar a aliviar seu corpo e lhe preparar para dormir. O álcool e o tabaco também mostraram aumentar os sintomas da síndrome da perda inquieta. Reduza o consumo desses, especialmente quando estiver perto de ir dormir. Mantenha um diário do sono onde você anota as mudanças na dieta ou alimentos que podem se correlacionar ao agravamento dos sintomas à noite para ajudar a determinar se existem alimentos específicos que aumentam a sua condição.

Intervenção médica

Como em qualquer condição médica, é melhor consultar seu médico para determinar o diagnóstico apropriador com seu melhor curso de ação. Embora as modificações nos exercícios e dietas não sejam prejudiciais, você pode precisar de intervenção médica para aliviar seu problema. Existem vários tipos de medicamentos que são usados para tratar a síndrome da perna inquieta, que incluem medicamentos anticonvulsivos usados para tratar o mal de Parkinson ou epilepsia. Opioides e relaxantes musculares são outros medicamentos prescritos dependendo do histórico da pessoa. Outros medicamentos chamados agentes dopaminérgicos são também usados devido ajudarem a regular os movimentos musculares.

Não deixe de ver

Filtro:
  • Geral
  • Artigos
  • Slides
  • Vídeos
Mostrar:
  • Mais relevantes
  • Mais lidos
  • Mais recentes

Nenhum artigo disponível

Nenhum slide disponível

Nenhum vídeo disponível

Direitos autorais © 1999-2015 Demand Media, Inc.

O uso deste site constitui plena aceitação dos Termos de Uso e Política de privacidade de eHow. Ad Choices pt-BR

Demand Media