Alucinações auditivas como sintomas

Escrito por mateo zeske | Traduzido por felipe oliveira
  • Compartilhar
  • Tweetar
  • Compartilhar
  • E-mail

Alucinações auditivas ocorrem quando a pessoa escuta sons na ausência de estímulo externo. Embora seja possível que uma pessoa sofra de mais de um tipo de alucinação, este artigo se refere apenas às que são ouvidas, não vistas ou sentidas. São vozes, músicas e outros barulhos que aparentam vir de fora, como sons reais. O conteúdo pode tanto ser de ameaças, comandos, avisos ou autoafirmações, quanto não fazer sentido nenhum.

Outras pessoas estão lendo

Psicose

O diagnostico mais comum que contém alucinações auditivas é psicose, particularmente esquizofrenia. De acordo com o site de orientações e informações dos psicólogos de St. Louis, pesquisas que indicaram tal sintoma nos pacientes com esquizofrenia mostraram que a maioria “realmente produz os sinais nervosos dos sons nos cérebros e acredita que fatores externos são os responsáveis”.

Convulsões

Outra doença que inclui o sintoma de alucinação auditiva é a epilepsia ou a convulsão. Em diversos casos, as convulsões começaram com alucinações auditivas, em sua maioria, vozes.

Outras circunstâncias

Alucinações auditivas também são sintomas de hipotireoidismo ou deficiência na tiroide, deficiência grave de vitamina B12 e sífilis avançada. Também foi constatado em casos de hiperparatireoidismo. Isso ocorre quando a paratireoide, uma pequena glândula endócrina no pescoço, torna-se hiperativa e produz grandes quantidades de cálcio no sangue.

Mal de Alzheimer

O Dr. Otis Brawley, chefe de equipe médica do American Cancer Society, afirma que alucinações auditivas costumam ser, embora raramente, verificadas em pacientes com Alzheimer. Brawley informa que tal sintoma “é raro de ser visto em pacientes com mal de Alzheimer e demais demências, mas é comumente associado a diversas outras condições”. Ele cita que pacientes mais velhos ficam confusos em locais pouco familiares, como hospitais, e acabam por manifestar sundowning, ou síndrome do pôr do sol. Os sintomas desta síndrome podem passar a impressão de que a pessoa está alucinando, por isso a errônea associação.

Outras explicações

Alucinações auditivas vêm sendo relacionadas a efeitos colaterais de medicações prescritas, como analgésicos narcóticos e remédios contra hipertensão e ansiedade. Abstinência de álcool e enxaqueca também são explicações potenciais.

Ansiedade, TOC e TEPT

Floyd R. Sallee MD, um professor da Universidade de Cincinnati, descobriu alucinações auditivas como sintomas de ansiedade, frequentemente em pacientes diagnosticados com TOC e transtorno de estresse pós-traumático (TEPT). "Alucinações auditivas ocorrem geralmente no contexto de ansiedade e tendem a piorar. Eu tive casos de TOC e TEPT em que alucinações auditivas eram proeminentes e quase sempre o sintoma era indicador da gravidade do problema. A boa notícia é que os profissionais de saúde mental sabem tratar alucinações auditivas com eficiência."

Cuidado

Alucinações auditivas podem ser difíceis de diagnosticar. Casos suspeitos que estejam causando preocupação devem ser levados a um ou mais profissionais da área.

Não perca

Filtro:
  • Geral
  • Artigos
  • Slides
  • Vídeos
Mostrar:
  • Mais relevantes
  • Mais lidos
  • Mais recentes

Nenhum artigo disponível

Nenhum slide disponível

Nenhum vídeo disponível