Mais
×

Como amaciar um cravo endurecido na pele

Atualizado em 17 abril, 2017

Os cravos podem aparecer não apenas no seu queixo, nariz ou testa, mas também no tórax, pescoço e costas. Cravos surgem quando o poro da pele fica obstruído com óleos, pele morta e, com frequência, bactérias. Quando o poro obstruído está aberto, fica com a aparência preta na superfície da pele. Os cravos podem ser seguramente removidos em casa ao se espremê-los. A sujeira e oleosidade podem endurecê-los, portanto é importante amaciá-los antes de tentar a remoção, caso contrário pode ocorrer cicatriz ou dano à pele.

Instruções

O cuidado adequado com a pele ajuda a prevenir cravos (skin care image by anna karwowska from Fotolia.com)
  1. Aplique óleo de rícino ao cravo usando um pedaço de algodão limpo antes de ir para a cama. Durante a noite, o óleo de rícino amaciará o cravo e a pele na volta, tornando mais fácil a sua remoção. Para evitar ter que espremê-lo, aplique o óleo todas as noites, por uma semana. Após uma semana, os cravos estarão macios e sairão do rosto facilmente com o passar de um pano.

  2. Coloque o pano em água quente e torça-o. Aplique-o sobre o cravo até esfriar e depois repita isso por dez minutos. A água quente soltará a obstrução. Limpe a área com um antisséptico para removê-lo completamente.

  3. Limpe a pele com um sabonete de rosto, enxágue e seque sem esfregar a toalha. Siga as orientações do vaporizador facial e faça o procedimento por 10 minutos. O vapor abrirá os poros obstruídos e amaciará os óleos e resíduos no cravo. Tente um banho com vapor se não possuir um vaporizador facial ou se o cravo estiver em um local de difícil alcance, como nas costas.

Dicas

  • Adote uma rotina de cuidados do rosto que inclua sabonete facial, adstringente e hidratante para evitar cravos.

O que você precisa

  • Óleo de rícino
  • Pedaço de algodão
  • Torneira de água quente
  • Pano
  • Higienizador antisséptico
  • Sabonete facial
  • Vaporizador facial
  • Toalha
Cite this Article A tool to create a citation to reference this article Cite this Article