Como amarrar uma isca artificial

Escrito por brandon shuler | Traduzido por guilherme feitoza
  • Compartilhar
  • Tweetar
  • Compartilhar
  • Pin
  • E-mail
Como amarrar uma isca artificial
Prenda sua isca artificial no anzol (Captain Brandon D. Shuler)

A isca artificial é eficaz em águas que contêm muitos perigos estruturais como ostras, vermes, grama e beirais. O método de amarração de moscas no anzol protege o anzol de embaraços indesejáveis. A dobra de trás deve ser amarrada ao local da isca e a perna deve ser coberta com a barriga da isca. A isca dobrada para trás é suavemente mais avançada do que a "Clouser Minnow" mas ainda é fácil de amarrar para um iniciante.

Nível de dificuldade:
Fácil

Outras pessoas estão lendo

O que você precisa?

  • Torno
  • Tesoura
  • Cimento
  • Bobina
  • Punhal
  • Passador de fio
  • Rabo de duas cores (critério do pescador)
  • Material de corpo
  • Fio
  • Alicates
  • Anzol 2/0 a 12

Lista completaMinimizar

Instruções

    Amarrando a isca

  1. 1

    Usando os alicates, faça uma dobra suave no topo do gancho para criar uma plataforma para a amarração. Você pode encontrar alguns anzóis com círculos menores que possuem dobra natural; no entanto, eu sempre usei este método.

  2. 2

    Amarre e aperte o corpo do material ao longo do comprimento do anzol. Balance o corpo para que dobre no começo do anzol e vire. Uma vez que chegue lá, enrole o material corpo de volta para amarrar no ponto e soltar.

  3. 3

    Escolha o rabo de cor mais clara embaixo da volta e amarre no lugar onde a plataforma reta que criou usando alicates. Assegure-se de limpar os materiais abaixo do cabelo antes de amarrar. Nota: se a bobina continuar reta, o gancho leva algumas voltas ao redor da traseira para levantar.

  4. 4

    Amarre o enfeite mais escuro do rabo e construa a cabeça em uma forma cônica.

  5. 5

    Finalize com um nó de chicote e cubra a cabeça com cimento ou epóxi. Você pode adicionar olhos para parecer mais viva.

Dicas & Advertências

  • A parte de trás é uma boa alternativa para carpas, trutas marinhas e sargo de dentes.
  • Este produto pode ser altamente viciante.

Não perca

Filtro:
  • Geral
  • Artigos
  • Slides
  • Vídeos
Mostrar:
  • Mais relevantes
  • Mais lidos
  • Mais recentes

Nenhum artigo disponível

Nenhum slide disponível

Nenhum vídeo disponível