Antibióticos e perda de peso

Escrito por lori olson | Traduzido por larissa frança
  • Compartilhar
  • Tweetar
  • Compartilhar
  • Pin
  • E-mail
Antibióticos e perda de peso
Perder peso é um processo que requer esforços (BananaStock/BananaStock/Getty Images)

Perder peso é difícil, especialmente quando fatores externos à dieta e aos exercícios sabotam os esforços para isso. Um desses fatores é contrair uma doença que requer tratamento com antibióticos. Igualmente, o consumo de laticínios ou carnes provenientes de animais tratados com antibióticos pode também afetar esse processo. As pessoas em um programa rigoroso para emagrecer devem entender que esses remédios e a perda de peso podem não ser compatíveis. Quer sejam consumidos inadvertidamente ou propositalmente, quando prescritos por um médico, entender os efeitos dos antibióticos no corpo ajudará nos esforços para emagrecer.

Outras pessoas estão lendo

Dieta livre de antibióticos

Alguns estudos mostram que os antibióticos podem fazer com que os humanos retenham gordura. Os fazendeiros, constantemente, dão antibióticos às vacas com o propósito de alterar seus hormônios, levando à retenção de gordura. Como resultado, eles podem vender animais maiores. Essa mesma filosofia leva alguns pesquisadores a acreditar que esses remédios podem impedir que as pessoas percam peso. Para estar seguro que os esforços para emagrecer não sejam inibidos, deve-se comer somente alimentos orgânicos e livres de hormônios. Além disso, a prescrição de antibióticos deve ser realizada somente quando necessária e quando feita por um médico.

Alternativas para os antibióticos

Geralmente, os médicos prescrevem antibióticos somente quando necessário. No entanto, os pacientes podem perguntar sobre alternativas para que seus esforços para perder peso não sejam em vão. Por exemplo, aqueles diagnosticados com sopro cardíaco têm sido instruídos por anos a tomar antibióticos antes de escovar os dentes. Atualmente, tanto médicos quanto dentistas acreditam que tal tratamento não é necessário nos casos leves. O mesmo se aplica nos casos de infecções otológicas. Muitos estudos mostram que elas irão sarar sem o uso de antibióticos. As pessoas que estão tentando perder peso devem sempre perguntar a seus médicos se há alternativas para o uso desses remédios.

Suplementos probióticos

Se for necessário começar o uso de antibióticos, os suplementos probióticos são uma maneira efetiva de proteger-se contra o ganho de peso. A vantagem dos antibióticos é que eles agem matando as bactérias que estão causando a infecção. O efeito colateral negativo é o aumento na produção de leveduras. Geralmente, as bactérias saudáveis do corpo as mantêm em níveis manejáveis, mas quando um paciente está tomando antibióticos, essas bactérias são destruídas junto com as infecciosas. Estudos mostram que esse aumento no nível de leveduras pode causar desejos por alimentos açucarados e ricos em amido. Consumindo suplementos probióticos, esses níveis são mantidos e há o desaceleramento dessas vontades que podem causar o ganho de peso.

Resumo

Muitos especialistas em nutrição acreditam que os antibióticos levam as pessoas a ganharem peso. Essa crença aplica-se tanto a antibióticos presentes nos alimentos como aqueles prescritos por um médico. Evitar esses remédios, quando possível, e usar suplementos probióticos quando necessários, pode ajudar as pessoas a alcançarem seus objetivos em relação à perda de peso.

Não perca

Filtro:
  • Geral
  • Artigos
  • Slides
  • Vídeos
Mostrar:
  • Mais relevantes
  • Mais lidos
  • Mais recentes

Nenhum artigo disponível

Nenhum slide disponível

Nenhum vídeo disponível