Antigas casas da Mesopotâmia

Escrito por paul cartmell | Traduzido por pedro santos
  • Compartilhar
  • Tweetar
  • Compartilhar
  • Pin
  • E-mail
Antigas casas da Mesopotâmia
Os tijolos de argila eram utilizados para consturir casas na antiga Mesopotâmia (Jupiterimages/Photos.com/Getty Images)

De acordo com o museu britânico, a mesopotâmia, palavra grega que significa "entre rios", foi uma civilização que floresceu entre os rios Tigre e Eufrates, no atual Iraque, há mais de 6.000 anos. A antiga Mesopotâmia tinha religiões organizadas e sistemas de escrita, além de templos de grandes dimensões que formavam o centro das cidades. Seu povo vivia em grande parte em casas construídas com tijolos de argila.

Outras pessoas estão lendo

Diversidade geográfica

De acordo com o Museu Britânico, a região conhecida como Mesopotâmia antiga era composta de três civilizações diferentes: Assíria, Babilônia e Suméria. A região foi dividida em duas regiões geográficas distintas, com as áreas do norte sendo uma terra fértil de colinas e planícies. Colonizadores da região criaram comunidades com base na agricultura, usando os recursos naturais das montanhas. A região sul da Mesopotâmia era menos férteil, com cidades crescendo ao longo das margens do Tigre e do Eufrates. A região Sul se tornou o centro de uma indústria que criou tijolos de barro para a construção de casas e templos, como informa o Instituto Oriental da Universidade de Chicago.

Cidades

As cidades mesopotâmicas cresciam em torno de templos auto-suficientes que eram construídos em grande escala e proporcionavam serviços como moinhos para produção de grãos. Havia ao redor dos tempos casas pequenas, bem próximas umas das outras. As casas nas cidades da Mesopotâmia, como as localizadas em torno de Khafajah por volta de 2.700 a.c, eram construídas de tijolos de barro, com paredes espessas para isolamento e telhados planos para espaço extra, de acordo com o Instituto Oriental da Universidade de Chicago.

Arquitetura

Uma casa comum da Mesopotâmia era construída como um prédio de um andar, contendo várias salas que eram construídas em torno de um pátio central aberto. Os ricos construíam edificações maiores, de dois andares, que continham quartos para a família dona da casa e outros para seus servos. As famílias mais ricas quase sempre possuiam uma capela particular, e alguns construíam os mausoléus da família debaixo da casa. Arcos e abóbadas eram comumente usados como elementos estruturais e ornamentais.

Materiais

Os tijolos de barro eram a forma mais comum de material de construção, principalmente nas regiões do sul da Mesopotâmia, onde a madeira e a pedra não eram obtidas facilmente. Embora os tijolos de barro também tenham sido usados no norte, os construtores de casa desta região também utilizaram outros materiais abundantes, como metais, madeiras e as pedra encontradas nas áreas montanhosas.

Não perca

Filtro:
  • Geral
  • Artigos
  • Slides
  • Vídeos
Mostrar:
  • Mais relevantes
  • Mais lidos
  • Mais recentes

Nenhum artigo disponível

Nenhum slide disponível

Nenhum vídeo disponível