Carreira e dinheiro

Como anualizar a volatilidade

Escrito por pedro carrasquillo | Traduzido por gustavo curiel
Como anualizar a volatilidade

Os preços variam violentamente todos os dias nos mercados financeiros, para cima e para baixo

Jupiterimages/Photos.com/Getty Images

A volatilidade anualizada é uma estatística importante para comparar o grau de risco dos diferentes investimentos, como ações, commodities e títulos. Qualquer investidor que esteja decidindo como alocar seus recursos entre uma cesta de diferentes produtos de investimentos terá um melhor resultado se anualizar a volatilidade de cada produto. A informação estatística obtida da volatilidade anualizada permitirá ao investidor avaliar o nível do risco que pode ser atribuído a vários investimentos diferentes em consideração. Uma vez que o nível do risco é conhecido, um investidor pode começar a construir um portfólio de produtos de investimentos adaptados especialmente ao seu próprio risco de tolerância.

Nível de dificuldade:
Moderado

Outras pessoas estão lendo

O que você precisa?

  • Planilha
  • Calculadora

Lista completaMinimizar

Instruções

    Como fazer

  1. 1

    Selecione o período de tempo pelo qual você deseja medir a volatilidade. Por exemplo, você pode calcular a volatilidade de um instrumento financeiro sobre o período de um mês, um trimestre ou um semestre. Quanto menor o período de tempo, maior será a sensibilidade da volatilidade medida para oscilações nos preços de mercado correntes, considerando que o período mais longo será menos sensível para a oscilação dos preços de mercado correntes. Se você estiver començando a usar a volatilidade, experimente utilizar dados de preços mensais que são, aproximadamente, 20 dias comerciais ou úteis.

  2. 2

    Calcule a mudança da porcentagem diária, para cada dia do seu período de tempo escolhido. Por exemplo, se você escolheu um valor de um mês de preços de fechamento diários para a companhia General Eletric, você desejará saber qual a alteração diária na porcentagem para todos os dias do mês que esteja avaliando. O cálculo deverá ser feito assim: subtraia o preço de encerramento do dia anterior pelo preço de encerramento do dia corrente e então divida o resultado pelo preço de encerramento do dia anterior. Depois, multiplique por 100 para atingir a alteração percentual diária.

  3. 3

    Calcule o desvio padrão para todas as alteações percentuais diárias, calculando, primeiro, a variação percentual média diária para o período de tempo escolhido. Em seguida, tome cada alteração percentual individual diária e subtraia delas a alteração média percentual diária, que será então elevada para a potência de 2. Por exemplo, se a alteração percentual média diária é 2,5 e a primeira que você calculou for 1,2, você irá subtrair 2,5 de 1,2 e então elevar a diferença ao quadrado para uma resposta de 1,69 (1,2 - 2,5)². Você deve repetir este mesmo cálculo para cada alteração percentual diária para o seu período de tempo escolhido e, em seguida, somá-los e dividir o número final pelo total de número de cálculos que você fez menos 1. Por exemplo, se você fez 20 cálculos separados, você deve subtrair 1 de 20 para chegar a 19. Quando completar este cálculo, você deverá extrair a raiz quadrada do número para chegar ao desvio padrão.

  4. 4

    Multiplique o desvio padrão pela raiz quadrada de 252 para chegar à volatilidade anualizada. Por exemplo, assumindo que você tenha um desvio padrão mensal de 2,0. Você multiplicaria 2,0 pela raiz quadrada de 252 para chegar à volatilidade anualizada de 31,75.

Mais galerias de fotos

Comentários

Filtro:
  • Geral
  • Artigos
  • Slides
  • Vídeos
Mostrar:
  • Mais relevantes
  • Mais lidos
  • Mais recentes

Nenhum artigo disponível

Nenhum slide disponível

Nenhum vídeo disponível

Direitos autorais © 1999-2014 Demand Media, Inc.

O uso deste site constitui plena aceitação dos Termos de Uso e Política de privacidade de eHow. Ad Choices pt-BR

Demand Media