×
Loading ...

Como aplicar a teoria de Jean Watson na prática de enfermagem

Atualizado em 21 novembro, 2016

É conveniente considerar a Teoria da Enfermagem de Jean Watson e o Modelo de Enfermagem. Muitas enfermeiras reclamam sobre o aumento da carga de papelada. Conforme o papel das enfermeiras evoluiu com o tempo, algumas acreditam que suas funções se distanciaram do leito e, sendo assim, muita da qualidade fundamental foi perdida. É um desafio e tanto para a enfermeira moderna combinar um alto nível de conhecimento acadêmico, o papel de gerenciamento e a abordagem cuidadosa defendida pelo modelo de Jean Watson. Uma reconsideração da teoria de Jean Watson é uma oportunidade de se voltar ao básico sobre a enfermagem.

Instruções

O modelo de Jean Watson é um lembrete dos princípios básicos dos cuidados (Monkey Business Images Ltd/Monkey Business/Getty Images)
  1. Entenda as seis partes essenciais do modelo. Primeiro, e talvez mais crucialmente, estabeleça um relacionamento com o paciente. De acordo com Jean Watson, essa relação é central para a experiência do paciente, além de fazer parte da identidade da enfermeira.

    Loading...
    Estabeleça um relacionamento com o paciente (Hongqi Zhang/iStock/Getty Images)
  2. Aborde o paciente de maneira holística. Isso significa que você deve considerar os aspectos físicos, os intelectuais e os emocionais do cuidado. Veja o paciente como uma pessoa ao invés de um conjunto de sintomas. Algumas das perguntas feitas na admissão podem refletir essa abordagem holística. Por exemplo, você pode perguntar sobre os interesses do paciente.

    Aborde o paciente de maneira holística (Alexander Raths/iStock/Getty Images)
  3. Dê aceitação incondicional ao paciente. Isso significa que você o aceita como ele ou ela é, e observe como ele se apresenta. Por exemplo, uma resposta taciturna ou monossilábica pode ser causada por medo ou estresse. A enfermeira deve tentar descobrir o porquê disso.

    Dê aceitação incondicional ao paciente (monkeybusinessimages/iStock/Getty Images)
  4. Trate o paciente com consideração positiva. Quando uma pessoa está doente, ela está vulnerável e extremamente sensível a como os outros se comportam em torno dela. Isso se aplica particularmente a enfermeiras que passam muito tempo com o paciente.

    Trate o paciente com consideração positiva (Catherine Yeulet/iStock/Getty Images)
  5. Promova a saúde através do conhecimento e intervenção. A enfermeira deve manter seu próprio desenvolvimento profissional, mas ela também deve buscar aumentar o conhecimento do paciente sobre o seu estado e maneiras que ele pode promover sua própria saúde.

    Passe um tempo ininterrupto com o paciente. Jean Watson se refere a esses episódios como "momentos transformadores", que são importantes não só para o paciente, como também para o profissional.

    Promova a saúde através do conhecimento e da intervenção (Hongqi Zhang/iStock/Getty Images)
Loading...

Referências

Loading ...
Loading ...