Artesanato com a mão de Fátima marroquina

Escrito por micah mcdunnigan | Traduzido por carlos cassimiro
  • Compartilhar
  • Tweetar
  • Compartilhar
  • Pin
  • E-mail
Artesanato com a mão de Fátima marroquina
A mão de Fátima é o nome islâmico para o símbolo do Hamsa (Hemera Technologies/AbleStock.com/Getty Images)

A mão de Fátima é um símbolo popular em toda a África do Norte. A imagem serve, de acordo com o folclore regional, para proteger do mau-olhado a pessoa que carrega. Também é um símbolo que artesãos marroquinos incorporaram aos seus diferentes ofícios numa variedade de maneiras.

Outras pessoas estão lendo

Simbolismo

A mão de Fátima é um outro nome para o hamsa, um símbolo representando uma mão direita aberta. Acredia-se que esta mão aberta proteja o portador do mau olhado, o que, por extensão, vai protegê-lo de má sorte e daqueles que lhe desejam fazer mal. O nome "hamsa" vem da palavra árabe para cinco, representando os cinco dedos da mão direita. Na cultura islâmica do Marrocos, o símbolo é nomeado em homenagem à filha do profeta Maomé, Fátima.

História

O símbolo do Hamsa está presente no Oriente Médio e proximidades, desde o tempo dos sumérios na antiga Mesopotâmia. Como a maioria da África do Norte adotou o Islã, o símbolo foi nomeado em homenagem à filha do Profeta, mas outras religiões em Marrocos e África do Norte adotaram o símbolo com nomes importantes para sua própria religião. Os cristãos da região chamam o símbolo de a mão de Maria, enquanto os judeus na região chamam-no de a mão de Miriam.

Joalheria

Um dos artesanatos marroquinos mais populares que retratam a mão de Fátima, e, supostamente, canalizam o poder de proteção do símbolo, é a joalheria. Tradicionalmente, os produtos dessa arte podem variar de representações em metais simples, até técnicas em que um artesão esmalta padrões em cores brilhantes em cima de uma base de prata, bronze, ou até mesmo de ouro. Estas peças podem servir como brincos ou colares. Alternativamente, essas peças também podem ser usadas como amuletos em um chaveiro ou uma pulseira.

Outros artesanatos

A representação da mão de Fátima em artesanato marroquino não é exclusiva das jóias. Os tecelões de Marrocos também incorporam este símbolo nos cobertores e tapetes artesanais que fazem. Aqui, como na joalheria, o símbolo se destina a representar a cultura do Marrocos e da África do Norte, que invocam o símbolo atribuindo-lhe poderes protetores. A finalidade de proteção fica mais aparente na sua inclusão em mantas que cobrem as pessoas enquanto elas dormem.

Não perca

Filtro:
  • Geral
  • Artigos
  • Slides
  • Vídeos
Mostrar:
  • Mais relevantes
  • Mais lidos
  • Mais recentes

Nenhum artigo disponível

Nenhum slide disponível

Nenhum vídeo disponível