Como atingir os pontos de pressão do corpo humano

Escrito por reese armstrong | Traduzido por ronaldo moretti
  • Compartilhar
  • Tweetar
  • Compartilhar
  • Pin
  • E-mail
 Como atingir os pontos de pressão do corpo humano
Praticantes de artes marciais aprendem como atingir corretamente pontos de pressão de um adversário (Jupiterimages/PhotoObjects.net/Getty Images)

Os pontos de pressão do corpo podem ser manipulados para o prazer e a liberação de músculos doloridos, como a massagem terapêutica, ou para infligir dor, como em artes marciais e defesa pessoal. Atingir um ponto de pressão é usado em algumas manobras de artes marciais e defesa pessoal. Dependendo do tipo do ponto de pressão, há maneiras diferentes de atingi-lo. Existem três tipos diferentes de pontos de pressão. Atingir um ponto de pressão de nível um sempre causa dor, e é o ponto de pressão mais comum orientado se tentar ferir alguém. Um ponto de pressão de nível dois é um ponto de pressão do músculo. Bater nesse ponto fará com que um oponente se ajoelhe e se curve para você, o que também trará seu rosto mais perto de você. Esse efeito não vai durar muito. Atingir um ponto de pressão de nível três causará uma sensação desconfortável de fraqueza e enjoo no seu adversário. A fim de criar a reação desejada no seu adversário, esses pontos de pressão devem ser atingidos de uma certa maneira.

Nível de dificuldade:
Moderadamente fácil

Outras pessoas estão lendo

Instruções

  1. 1

    Encontre e localize o ponto de pressão do seu adversário que você deseja atingir e diferencie esse tipo de ponto de pressão. Pontos de pressão tipo um localizam-se mais frequentemente sobre as bordas dos ossos, como as canelas e antebraços e também no músculo, em áreas como a virilha.

  2. 2

    Acerte o alvo em conformidade. Se é um ponto de pressão de tipo um, pode golpeá-lo ou se envolver em um sistema de bloqueio comum, como uma barra de braço, em que o braço é hiper estendido; um chute de canela, que é um chute na canela; ou um bloqueio de pulso, que é feito ao torcer o pulso do adversário. Os golpes incluem qualquer tipo de batida, como socos ou chutes. Se o alvo é um ponto de pressão tipo dois, faça um punho cerrado e execute-o rapidamente para baixo do músculo de peito do oponente, da lateral para o meio. Essa posição da mão é conhecida como o olho da Fênix. O músculo do peito é o único músculo que é um ponto de pressão tipo dois. Existem apenas alguns tipos de pontos de pressão três. Um exemplo de um ponto de pressão do tipo três é o ponto de reflexo de vômito, que, quando atingido, aciona o reflexo de vômito, mas também inclui pontos de respiração, pontos de interrupção de equilíbrio e pontos de proteção do cérebro, que estão localizados na linha de centro do corpo. Atingir um ponto de ruptura do equilíbrio, por exemplo, envolve atingir alguém na parte de trás dos joelhos, enquanto que atingir um ponto de proteção do cérebro envolve pressionar rapidamente a artéria carótida, que faz com que o sangue se mova mais lentamente para o cérebro. Atingir um ponto de respiração significa uma pressão rápida no seio carotídeo ou no trato respiratório superior. Esses pontos de pressão devem ser pressionados muito rapidamente para que a pessoa não tenha tempo para reagir.

  3. 3

    Adicione um ponto de pressão de nível um com um ponto de pressão de nível dois ou três, uma vez que o adversário tenha sido atordoado, e sua guarda baixada. Por exemplo, atingir a clavícula pressionando rapidamente a artéria carótida irá causar dor e atordoar o adversário.

Dicas & Advertências

  • Aja rapidamente para que você não dê ao seu adversário tempo para reagir.
  • Se o adversário for afetado por drogas, doença mental ou for altamente treinado, atingir seus pontos de pressão pode não ser eficaz para liquidá-lo.
  • O nível dois de pontos de pressão pode ser bloqueado ao apertar o músculo.
  • Atingir os pontos de pressão de uma pessoa pode ser muito perigoso, pois bater nessas áreas pode causar ossos quebrados, músculos estirados, fraqueza e perda de consciência.

Não perca

Filtro:
  • Geral
  • Artigos
  • Slides
  • Vídeos
Mostrar:
  • Mais relevantes
  • Mais lidos
  • Mais recentes

Nenhum artigo disponível

Nenhum slide disponível

Nenhum vídeo disponível