Atividades pré-escolares para crianças cegas

Escrito por tom ryan | Traduzido por debora cristina
  • Compartilhar
  • Tweetar
  • Compartilhar
  • Pin
  • E-mail
Atividades pré-escolares para crianças cegas
Pular corda é uma atividade física que não requer visão (Jumprope image by Jacob Randell from Fotolia.com)

A pré-escola é um momento em que muitas crianças têm um grande progresso em seu desenvolvimento, em que aprendem interações sociais enquanto descobrem como o mundo ao seu redor funciona. Isto pode ser difícil para pré-escolares cegos, que podem se sentir frustrados pelas restrições colocadas sobre eles. Ainda assim, há uma série de atividades disponíveis para crianças cegas aprenderem a trabalhar juntas e descobrirem como seus outros sentidos podem servir como uma janela para o mundo.

Outras pessoas estão lendo

Esportes adaptados

Com alguns ajustes simples em atividades físicas normais, as crianças cegas podem participar de jogos e se exercitar tal como os seus colegas que enxergam. Alguns destes jogos são tão simples como quicar uma bola para aprender sobre relações espaciais. Outras atividades físicas incluem pular corda — a criança sabe quando pular não por ver a corda, mas por sentir a sua progressão em seu arco, quer ela tenha ou não tocado o solo.

Outras atividades físicas simples envolvem interação social, como andar de mãos dadas com um parceiro (atividades como esta devem ser cuidadosamente supervisionadas). As crianças podem gostar de tentar algo aventureiro, como correr e saltar em um ponto de aterrissagem macio e seguro.

Yoga simples é outra atividade física que pode interessar crianças cegas. Ao dar instruções detalhadas e orientação física, um instrutor pode ajudá-las a descobrir a sua própria flexibilidade.

Aprendizagem tátil

Crianças pré-escolares cegas devem aprender a usar as mãos, mesmo que não planejem aprender Braille. Atividades com os sentidos ensinam as crianças sobre diferentes sensações táteis e como vários objetos podem ser manipulados. Adereços diferentes podem ser usados ​​para ensinar essas lições. Por exemplo, as crianças podem experimentar abrir frascos e garrafas, dar nós, girar chaves de fenda, derramar água, brincar com ímãs ou usar clipes de papel. Experimentar com diferentes objetos ajuda a preparar as crianças para a vida cotidiana.

Atividades degustativas

Crianças cegas devem aprender a confiar em seus outros sentidos, incluindo olfato e paladar. Com milhares de papilas gustativas e milhões de receptores de cheiro, esses sentidos poderosos podem abrir novos mundos para uma criança que não pode ver. Organize atividades de degustação para ensinar lições sobre alimentos — as crianças podem aprender sobre doce, azedo, amargo e picante. Elas podem até mesmo experimentar com combinações de sabores, e descobrir a variedade de consistências dos alimentos, como a vasta gama entre crocante e cremoso.

Não perca

Filtro:
  • Geral
  • Artigos
  • Slides
  • Vídeos
Mostrar:
  • Mais relevantes
  • Mais lidos
  • Mais recentes

Nenhum artigo disponível

Nenhum slide disponível

Nenhum vídeo disponível