Atividades para uma sala de crianças com necessidades especiais

Escrito por stacy zeiger Google | Traduzido por rosangela gandini
Atividades para uma sala de crianças com necessidades especiais

Crianças com necessidades especiais necessitam de atividades especiais

Jupiterimages/Comstock/Getty Images

Os alunos com necessidades especiais trazem uma variedade de desafios e necessidades para uma sala de aula. A sala de educação especial pode incluir alunos com deficiência leve e os com deficiência severa, então os professores devem estar conscientes das necessidades de cada criança, de modo a melhor servir a todos. Não importa o grau de severidade das deficiências, certas atividades ajudam a assegurar o sucesso de todas as crianças.

Outras pessoas estão lendo

Regras e Instruções

Jupiterimages/Comstock/Getty Images

Todas as regras e instruções devem ser simples. Muitos alunos com necessidades especiais prestam mais atenção quando são dadas uma ou duas regras ou instruções por vez. Determine quais são as mais importantes para a sala, escreva-as em um cartaz e pendure-o na parede. Refira-se a essas regras regularmente. Se outras precisarem ser introduzidas, apresente-as uma por vez, depois que as crianças aprenderam as regras iniciais, e dê-lhes tempo suficiente para praticarem antes de apresentar outra. Além disso, quando der instruções para um dever ou projeto, faça isso passo a passo. Dar a crianças com necessidades especiais diversas regras de uma só vez irá confundi-las. Os passos devem também ser repetidos mais de uma vez para a maioria das crianças.

Introduzindo a tecnologia

Jupiterimages/Comstock/Getty Images

A tecnologia ajuda a melhorar o ensino em uma sala de educação especial. Equipamentos de áudio favorecem a leitura, dando às crianças algo para acompanharem enquanto leem. As músicas auxiliam a reafirmar conceitos importantes. Lousas interativas e notebooks permitem aos professores fornecer mais materiais visuais e são uma plataforma para crianças jogarem jogos interativos e completarem as atividades práticas. Além disso, há programas e equipamentos para computador específicos, para ajudar crianças com dificuldades severas de comunicação.

Habilidades da vida real

Jupiterimages/Comstock/Getty Images

Torne todas as atividades relevantes para a vida das crianças na sala de aula. Leia livros e dê exercícios que as ajudem a aprender o autocuidado e outras tarefas cotidianas. Para crianças com deficiências severas, pratique habilidades como amarrar um sapato, abotoar uma camisa ou lavar as mãos. Para deficiências leves, trabalhe com conceitos como, por exemplo, fazer compras em um mercado, pedir comida em um restaurante ou iniciar um diálogo em uma festa. Conversar sobre essas atividades e conduzir exercícios de dramatização ajudará as crianças a sentir-se mais confiantes quando enfrentarem essas situações no cotidiano.

Atividades práticas

Jupiterimages/Comstock/Getty Images

Atividades práticas ajudam as crianças com necessidades especiais a envolver diversos sentidos enquanto aprendem. Os exercícios práticos dão a experiência de conectar-se com a informação, mais do que apenas ouvir o professor falar sobre um conceito. Para aulas de matemática, use muitos jogos e brinquedos de montar. Inclua experiências e artefatos para ciências. Encene histórias ou desenhe figuras para aulas de português e use cartões didáticos e jogos, para ajudá-los a aprender a base da gramática.

Não deixe de ver

Filtro:
  • Geral
  • Artigos
  • Slides
  • Vídeos
Mostrar:
  • Mais relevantes
  • Mais lidos
  • Mais recentes

Nenhum artigo disponível

Nenhum slide disponível

Nenhum vídeo disponível

Direitos autorais © 1999-2014 Demand Media, Inc.

O uso deste site constitui plena aceitação dos Termos de Uso e Política de privacidade de eHow. Ad Choices pt-BR

Demand Media