Como balancear narrativa e diálogo em um romance

Escrito por kyra sheahan | Traduzido por alexandre amorim
  • Compartilhar
  • Tweetar
  • Compartilhar
  • Pin
  • E-mail
Como balancear narrativa e diálogo em um romance
Pense em narrativas e diálogos que irão seduzir seus leitores (Jupiterimages/Comstock/Getty Images)

Quando for escrever um romance, deve-se pensar sobre como quer desenvolver uma história engajada que mantém a narrativa e o diálogo em equilíbrio. Se eles não estiverem equilibrados, corre-se o risco de entediar os leitores com muito de um e pouco do outro. Um romance eficaz oferece uma boa distribuição dos dois, mas tecê-los juntos requer estratégia e habilidade.

Outras pessoas estão lendo

Primeiro rascunho

Todo romance começa com um primeiro rascunho, mas ele dificilmente será o último. Se quiser uma sensação de como a narrativa e o diálogo podem ficar ou não equilibrados, escreva o primeiro rascunho capítulo por capítulo, pare para ler o que foi escrito até então e avalie o equilíbrio. Visualize as páginas e pergunte a si mesmo se existem páginas e páginas com apenas narrativa ou apenas diálogo. Ler o primeiro rascunho em voz alta pode ajudar a ouvir como ele flui para determinar se ele está equilibrado. Pode-se considerar seu primeiro rascunho um exercício de balanceamento entre narrativa e diálogo, e então poli-lo na segunda vez.

Uso apropriado

Existirão vezes ao longo de seu romance ou capítulos onde é mais apropriado ter mais narrativa que diálogo ou vice-versa. Por exemplo, quando precisa-se retratar um relacionamento que o protagonista tem com outros personagens na história, é apropriado usar diálogos para ação em cena e ficar com uma narrativa leve. Um exemplo de quando usar mais narrativa do que diálogo, entretanto, é quando escrever mais sobre os pensamentos e sentimentos do protagonista ou se quiser pintar uma descrição do ambiente do protagonista. Usar mais diálogos ou narrativas é uma estratégia que pode ser pontuada ao longo do romance, mas certifique-se de que o romance inteiro não depende mais de um do que do outro.

Passo

O passo se refere à velocidade da sua cena dentro de um romance. Ele é determinado pelo roteiro e pelo tom que o autor deseja dar aos leitores. Isso também causa impacto no equilíbrio entre narrativa e diálogo. Por exemplo, uma cena entre duas pessoas tendo uma discussão pode ser efetivamente retratada com um passo rápido que é capturado por um diálogo rápido entre os personagens. Se quiser uma cena com um passo mais lento, é melhor usar mais narrativa.

Sequência

Algo que precisa ser levado em consideração em seu romance é a sequência de eventos e se há ou não muitas cenas rápidas ou lentas em sucessão. Enquanto pode ser apropriado usar mais narrativa ou diálogo em certas cenas, é importante quebrar a sequência para que não acabe com cinco capítulos com apenas narrativa. Uma forma de remediar isso é incluir mais diálogo entre os capítulos ou rearrumar a sequência de eventos em um flashback ou uma história que seduza o leitor.

Não perca

Filtro:
  • Geral
  • Artigos
  • Slides
  • Vídeos
Mostrar:
  • Mais relevantes
  • Mais lidos
  • Mais recentes

Nenhum artigo disponível

Nenhum slide disponível

Nenhum vídeo disponível