Como fazer bancos para varanda usando velhas cabeceiras

Escrito por jennifer wiginton | Traduzido por marina pastore
  • Compartilhar
  • Tweetar
  • Compartilhar
  • Pin
  • E-mail
Como fazer bancos para varanda usando velhas cabeceiras
Varandas são agradáveis, por seu charme e funcionalidade (Jupiterimages/Stockbyte/Getty Images)

Proprietários de casas gostam das varandas por seu charme e funcionalidade. Quer sejam descobertas em vendas de garagem ou reutilizadas de camas quebradas, velhas cabeceiras podem ser combinadas a bancos de varanda para enriquecer as qualidades de ambos os objetos. Com algum planejamento e esforço, é possível criar um banco único, que reflita a sua individualidade, criatividade e engenhosidade.

Nível de dificuldade:
Moderadamente fácil

Outras pessoas estão lendo

O que você precisa?

  • Cabeceira de madeira
  • Óculos de proteção
  • Luvas
  • Máscara de proteção
  • Removedor de tinta
  • Pincel velho
  • Espátula dura
  • Terebintina
  • Pano macio
  • Lixa
  • Régua
  • Nível
  • Nove tábuas de 2,5 cm x 10 cm x 1,20 m ou largura da cabeceira
  • Oito tábuas de 2,5 cm x 10 cm x 40 cm
  • Quatro pilares de 10 cm² x 42 cm
  • Parafusos resistentes à corrosão de 5 cm
  • Parafusos resistentes à corrosão de 3 cm
  • Serras manuais
  • Braçadeiras
  • Furadeira com broca de 3 mm
  • Chave Philips
  • 1 L de acabamento ou tinta a óleo para exteriores
  • Oito tábuas de 2,5 cm x 10 cm x 1,18 m ou largura da cabeceira
  • Seis tábuas de 2,5 cm x 10 cm x 40 cm
  • Duas tábuas de 2,5 cm x 10 cm x 55 cm ou do comprimento necessário
  • Duas hastes de madeira de 43 cm ou do comprimento desejado

Lista completaMinimizar

Instruções

    Opção 1

  1. 1

    Determine o tipo de madeira que forma a cabeceira. Selecione uma madeira para o banco que combine com a da cabeceira. Se não conseguir determinar qual a madeira da cabeceira, use tábuas de cedro para o banco.

  2. 2

    Remova a tinta ou o verniz anterior da cabeceira. Coloque os óculos de proteção, as luvas e a máscara. Aplique removedor de tinta com o pincel. Remova o acabamento antigo com a espátula, quando ele começar a borbulhar. Se necessário, use várias aplicações para remover diversas camadas de tinta. Se a cabeceira for envernizada, esfregue terebintina na superfície, com o pano, na direção do veio da madeira. Remova o verniz solto com a espátula.

  3. 3

    Lixe todas as peças de madeira. Limpe a serragem da área de trabalho.

  4. 4

    Prepare o assento. Use a régua para medir a largura da cabeceira na borda inferior. Use a serra manual para cortar as tábuas longas na largura da cabeceira. Com a braçadeira, prenda duas tábuas longas a duas tábuas laterais de 40 cm. Pré-fure os buracos; prenda as tábuas com parafusos resistentes à corrosão de 5 cm.

  5. 5

    Prenda os apoios do assento. Use as sobras dos pilares de 10 cm² como espaçadores para os apoios exteriores do assento; posicione os apoios interiores de maneira uniforme entre os exteriores.

  6. 6

    Prenda as ripas do assento nos apoios interiores, usando oito parafusos de 3 cm para cada suporte.

  7. 7

    Vire o assento de cabeça para baixo. Segurando as pernas firmemente nos cantos, faça os furos e parafuse as pernas no lugar. Vire o assento novamente. Parafuse as bordas exteriores das ripas do assento no lugar sobre as pernas e tábuas laterais.

  8. 8

    Corte dois blocos espaçadores de 12 cm. Use-os para segurar os rodapés na altura apropriada, enquanto estiver prendendo-os ao banco. Prenda os rodapés nas bordas laterais primeiro; depois, na frente e atrás.

  9. 9

    Prenda a tábua longa final na parte de trás do assento, centralizando-a 5 cm acima dele. Corte as pernas da cabeceira. Posicione-a sobre o assento. Use parafusos de 4 cm para prender a cabeceira à borda da tábua longa sobre o assento.

  10. 10

    Finalize o banco como desejar. Use tinta a óleo para exteriores nas cores desejadas ou deixe o banco inacabado para obter um visual natural.

    Opção 2

  1. 1

    Prepare a cabeceira e o assento como na opção 1, mas espace todos os apoios internos igualmente entre os suportes externos.

  2. 2

    Vire o assento de cabeça para baixo. Faça furos e parafuse as ripas do assento no lugar em todos os apoios.

  3. 3

    Selecione hastes que combinem com as pernas da cabeceira. Com a braçadeira, prenda as hastes aos cantos frontais exteriores do assento, com a borda superior da haste no mesmo nível da parte de cima do assento. Prenda a cabeceira à parte de trás do assento. Use o nível para garantir que o assento esteja posicionado de forma correta e uniforme. Fure e parafuse as hastes e as pernas da cabeceira ao assento. Se a borda interior da cabeceira também estiver atrás do assento, também parafuse-a a ele em três ou quatro lugares.

  4. 4

    Meça desde a parte de cima da haste até a parte de trás da perna da cabeceira. Corte os rodapés laterais no comprimento correto. Prenda-os ao banco como na opção 1.

  5. 5

    Finalize o banco como desejar.

Dicas & Advertências

  • Descascar e dar um novo acabamento a cabeceiras antigas pode destruir seu valor. Se for fazer um banco com uma cabeceira antiga, pule as etapas do novo acabamento. Finalize o assento do banco para combinar com a cabeceira. Faça o banco com a opção 2, para evitar cortar as pernas da cabeceira.
  • Acrescente braços ao banco, se desejar. Selecione componentes que combinem com a cabeceira ou a complementem.
  • Se desejar, o assento da opção 2 pode ser curvo. Mantenha as ripas do assento retas para a opção 1.
  • Use uma máscara de proteção, para evitar alergias ou problemas respiratórios ao lixar a madeira. Limpe sua área de trabalho o mais rápido possível, quando terminar de lixar.
  • Sempre mantenha um kit de primeiros socorros à mão, enquanto estiver trabalhando com madeira para lidar com acidentes e farpas.
  • As ferramentas usadas neste projeto são perigosas e os materiais de limpeza e acabamento podem ser tóxicos. Mantenha crianças e animais de estimação longe da área de trabalho.

Não perca

Filtro:
  • Geral
  • Artigos
  • Slides
  • Vídeos
Mostrar:
  • Mais relevantes
  • Mais lidos
  • Mais recentes

Nenhum artigo disponível

Nenhum slide disponível

Nenhum vídeo disponível