Como fazer uma bandeira de adoração de asas de anjo

Escrito por renee miller | Traduzido por rodrigo gammaro alves nunes
  • Compartilhar
  • Tweetar
  • Compartilhar
  • E-mail

Bandeiras e banners de adoração são belas formas de expressar o amor a Deus e incorporar as artes em serviços religiosos. A maioria das bandeiras é construída em forma de quadrado ou retângulo. Além de tirarem o fôlego, nada se compara à beleza e aos movimentos fluidos de bandeiras de asa de anjo. Caso goste de dança interpretativa e culto, mas tenha um orçamento limitado, aprender a fazer essas bandeiras é a forma ideal para adicionar um toque criativo à sua missa.

Nível de dificuldade:
Moderado

Outras pessoas estão lendo

O que você precisa?

  • Tecido lamê
  • Cavilha de 1,3 cm por 92 cm
  • Linha
  • Máquina de costura
  • Cola quente

Lista completaMinimizar

Instruções

  1. 1

    Saiba as cores. Elas têm significados específicos, quando utilizadas nas artes de adoração. O vermelho representa a salvação, o laranja significa louvor apaixonado, e amarelo representa a fé. O azul representa o Espírito Santo e o verde simboliza a vida. O dourado é para purificação e o prateado honra a Palavra de Deus. O preto é a morte, marrom, o final de uma estação e branco representa a pureza e a vida.

  2. 2

    Selecione o material. O melhor para bandeiras de adoração é tecido lamê. Ele flui de uma maneira leve e fácil. Cetim leve é outra opção. Algodão também funciona, mas pode ficar pesado depois de usado por longos períodos, enquanto o acetato de nylon, por exemplo, permanece leve.

  3. 3

    Corte o tecido lamê em um arco medindo 90 cm de altura na parte superior central e 1,52 metro de largura. Antes de cortar a borda do arco, divida-o pela metade e adicione 2,5 cm adicionais a uma das metades do lado direito para criar um invólucro para a vara.

  4. 4

    Faça uma costura ao longo da metade que tem o material adicional, de maneira que fique simétrico ao outro lado. Aplique uma gota de cola quente no final do bolso do arco depois de fechá-lo com a costura, pois o uso e o desgaste enfraquecerão a bainha. Então faça uma bainha no resto do tecido com pontos em ziguezague pequenos.

  5. 5

    Insira a cavilha no bolso. Costure a extremidade aberta e sele com cola quente. A vara será o cabo da bandeira, mas será invisível ao balançá-la. Asas de anjo são as bandeiras mais fáceis de se usar, por seu movimento natural, e são adoráveis, já que não tem os cabos feios utilizados em outras bandeiras. Mas algumas pessoas preferem usar cavilhas com ponteiras arredondadas. Caso faça isso, não costure a abertura do bolso interno, mas cole-o com cola quente ao redor da cavilha, deixando a ponteira exposta.

Não perca

Filtro:
  • Geral
  • Artigos
  • Slides
  • Vídeos
Mostrar:
  • Mais relevantes
  • Mais lidos
  • Mais recentes

Nenhum artigo disponível

Nenhum slide disponível

Nenhum vídeo disponível