Os benefícios dos colares magnéticos

Escrito por kayla miller | Traduzido por ana rodrigues
  • Compartilhar
  • Tweetar
  • Compartilhar
  • Pin
  • E-mail
Os benefícios dos colares magnéticos
Colares magnéticos podem ser benéficos, sem representar risco para o corpo (necklace image by Alison Bowden from Fotolia.com)

A terapia magnética tem sido muito utilizada por suas propriedades curativas. Os antigos chineses e gregos encontraram no uso de rochas magnéticas, ou pedras-ímã, o alívio para a dor e desconforto no corpo. Como a sociedade moderna gravita mais para a medicina alternativa e um estilo de vida orgânica, as pessoas hoje em dia cada vez mais imitam os remédios do passado. A terapia magnética, seja na forma de colares, anéis, pulseiras, relógios, cintos, colchões, palmilhas, cintas ou outros produtos que contenham ímãs, serve como um tratamento potencialmente seguro e sem drogas para uma série de condições. Colares magnéticos podem ajudar a aliviar a dor e tratar outras doenças, sem os efeitos colaterais negativos dos medicamentos mais invasivos.

Outras pessoas estão lendo

Aliviar a dor

Os ímãs impedem que os sinais de dores emitidos pelos nervos cheguem ao cérebro. A dor no pescoço associada à artrite, fibromialgia ou outras condições podem ser amenizada através da utilização de colares magnéticos.

Aumento da circulação sanguínea

Ímãs utilizam o campo magnético de uma célula do sangue, atraindo e repelindo as partículas carregadas dentro delas. Essa ação aumenta a circulação sanguínea. De acordo com Sarah Foy Moreland, da Universidade de Vanderbilt, EUA, a energia de um ímã funciona como um catalisador, acelerando o processo biológico, a fim de permitir que o corpo se cure mais rapidamente e aliviando a dor. O catalisador estimula a circulação sanguínea, permitindo que mais oxigênio seja distribuído por todo o corpo. Alekh Gupta, também da Universidade de Vanderbilt, afirma que o uso da terapia magnética aumenta o movimento de hemoglobina, acelerando o fluxo de sangue. Com esse aumento do fluxo sanguíneo, os depósitos de gordura ao longo dos vasos sanguíneos diminuem e eventualmente desaparecem completamente. Como resultado, o sangue flui até mesmo mais suave, o que também pode diminuir o risco de pressão arterial elevada.

Redução do estresse e da depressão

Outro grande uso para os colares magnéticos envolve a redução do estresse e tratamento da depressão. Ímãs, utilizados especialmente à noite, podem aumentar os níveis de melatonina. A melatonina é um hormônio produzido pela glândula pineal do cérebro que tem um efeito levemente calmante sobre o corpo e controla os ciclos de sono. Altos níveis de melatonina resultam na redução do estresse por mais relaxamento, o que naturalmente aumenta a energia.

Outros benefícios

O autor de "Therapy Biomagnetic" (em tradução livre, "Terapia Biomagnética"), Gary Null, conclui que, além de aliviar o desconforto e a dor, os ímãs também podem reduzir a inflamação, ajudar o corpo a combater fungos, bactérias e vírus presentes no corpo, corrigir distúrbios do sistema nervoso central e reduzir os sintomas de envelhecimento, bronquites, entorses, apendicite, asma, queimaduras, câncer, doenças cardíacas, fissuras de mama, espasmos musculares, síndrome do túnel do carpo, endometriose, dermatite, fibromialgia, cervicite, dor de ouvido, lesões na cabeça, assim como a dor e as tensões articulares.

Não perca

Filtro:
  • Geral
  • Artigos
  • Slides
  • Vídeos
Mostrar:
  • Mais relevantes
  • Mais lidos
  • Mais recentes

Nenhum artigo disponível

Nenhum slide disponível

Nenhum vídeo disponível