Como calcular o custo direto de materiais

Escrito por julia fuller | Traduzido por fabiana silva
  • Compartilhar
  • Tweetar
  • Compartilhar
  • Pin
  • E-mail
Como calcular o custo direto de materiais
Saiba o quanto cobrar por seu produto calculando os custos dos materiais (calculator and pen #3 image by Adam Borkowski from Fotolia.com)

Para ter lucro você precisa saber quanto cobrar por seus produtos e para saber quanto cobrar é preciso saber o custo de produção. O primeiro passo para definir o custo do produto é calcular o custo direto dos materiais utilizados em sua montagem. Os materiais podem ser comprados de fornecedores, feitos em casa ou uma combinação de ambos.

Nível de dificuldade:
Moderado

Outras pessoas estão lendo

O que você precisa?

  • Computador com software para criação de planilha
  • Calculadora
  • Papel
  • Lápis
  • Lista completa dos custos do material
  • Lista de material / peças (lista de materiais para cada produto)

Lista completaMinimizar

Instruções

  1. 1

    Verifique as listas das peças e dos materiais usados em cada produto para calcular o custo direto dos materiais. Verifique a lista de custos de material ou de custo sugerido do fornecedor. Caso não tenha criado uma lista para a sua empresa, você pode examinar as notas fiscais dos fornecedores de componentes, de peças e de matérias-primas. Para criar uma, use um modelo para cada produto e crie uma lista de preço de materiais (LPM) em uma planilha.

  2. 2

    Verifique as linhas de montagem, as áreas de produção, os processos de moldagem e de estamparia para confirmar se a LPM ou modelo está correto. Algumas vezes, para se adaptarem à metodologia kaizen (melhoria contínua do processo) implementada na empresa, a pratica de redução de custos ou à demanda dos clientes, os produtos poderão sofrer mudanças. Se possível, vá até a área e confirme se todas as peças, componentes e materiais listados na LPM ainda estão sendo usados e se nenhum componente novo foi adicionado.

  3. 3

    Crie uma LPM para cada produto em planilhas individuais. Para utilizar as macros (uma coleção de comandos no excel que você pode aplicar com um único clique) para os totais, é obrigatório utilizar os mesmos campos para todas as planilhas. Crie LPMs com os mesmo tamanhos, independentemente da quantidade de materiais utilizados. Para isso, use a lista de materiais mais longa como modelo para as demais. Inclua o nome e o número da peça.

  4. 4

    Liste em uma coluna todos os materiais utilizados. Na coluna seguinte, liste o número de peça de cada um dos materiais ao lado do nome. Na terceira coluna, liste o nome do vendedor ou do fornecedor de cada material ao lado do número da peça. Na quarta coluna, liste a quantidade de material utilizado ao lado da coluna de fornecedor e, na quinta, o custo individual de cada material utilizado.

  5. 5

    Insira uma função de soma abaixo do último item listado da LPM para obter o total dos custos diretos de materiais. Essa não será a última linha da planilha ou o custo final total. Lembre-se de que você precisa adicionar as despesas gerais para ter um reflexo mais preciso do custo total, por isso, deixe linhas na parte inferior do formulário para as despesas e o custo total da peça. Se os materiais ou subconjuntos forem importados de outro país, também será necessário reservar uma linha ou coluna para as taxas de câmbio. Depois de fazer isso, já será possível determinar o custo direto dos materiais de um produto.

  6. 6

    Multiplique o custo direto de cada material das LPMs que criou pela quantidade comprada para o período que você está definindo o custo real. Se configurar todas as LPMs em planilhas individuais utilizando os mesmos campos (colunas e linhas), então você pode criar uma macro para multiplicar o custo direto de material para todos os produtos multiplicado pelas quantidades compradas.

  7. 7

    Acrescente o custo direto de material das planilhas que registram a quantidade dos materiais. Mais uma vez, se elaborar planilhas individuais de modo uniforme, utilizando os mesmos campos (colunas e linhas), então você pode criar uma macro para totalizar o custo direto do material.

Dicas & Advertências

  • Periodicamente, analise seus custos para garantir que os seus materiais tenham o melhor preço possível.

Não perca

Filtro:
  • Geral
  • Artigos
  • Slides
  • Vídeos
Mostrar:
  • Mais relevantes
  • Mais lidos
  • Mais recentes

Nenhum artigo disponível

Nenhum slide disponível

Nenhum vídeo disponível