×
Loading ...

Como calcular a diluição de uma solução em partes por milhão

Atualizado em 17 abril, 2017

Os químicos geralmente usam unidades de partes por milhão (ppm) para descrever a concentração de produtos químicos em uma solução. Essa descrição refere-se às "partes" de químicos por um milhão de partes equivalentes da solução. Como existem um milhão de miligramas (mg) em um litro, uma solução com 50 mg de químicos em um litro, por exemplo, seria de 50 ppm. Quando uma solução é diluída, é possível calcular a nova concentração de ppm usando uma fórmula matemática simples, desde que você saiba a quantidade que foi diluída e o volume final.

Instruções

Soluções descritas em termos de ppm estão geralmente diluídas (PhotoObjects.net/PhotoObjects.net/Getty Images)
  1. Coloque a concentração inicial da solução, em unidades de ppm, em uma calculadora. Por exemplo, se você tivesse uma solução de cloreto de sódio (NaCl) em água que originalmente tinha 300 ppm, você colocaria 300 na calculadora.

    Loading...
  2. Multiplique o valor que você acabou de colocar pelo volume da solução original que você mediu para diluir. Você pode usar qualquer unidade de volume que desejar, mas o mililitro (ml) é mais comum em laboratório. No caso do exemplo, se você tirasse 10 ml da solução de 300 ppm, você multiplicaria 300 por 10 para obter 3.000.

  3. Divida o resultado do cálculo anterior pelo volume final em que você diluiu a amostra da solução original. O resultado desse cálculo é a concentração de ppm da solução diluída. Por exemplo, se você tirasse 10 ml da solução de 300 ppm e adicionasse água para diluí-lo em um volume final de 100 ml, você dividiria por 100. O cálculo seria 3.000 dividido por 100 e o resultado seria de 30 ppm NaCl.

Loading...

Dicas

  • Você deve usar as mesmas unidades (como ml) para o volume da amostra e o volume final dessa série de cálculos.

Referências

Recursos

Loading ...
Loading ...