×
Loading ...

Como calcular a eficiência de um ventilador

Atualizado em 19 julho, 2017

Medir a eficiência de um ventilador calcula a quantidade de vento que o ventilador produz com uma certa quantidade de energia em comparação com a saída de ar ideal. Em um ventilador idealizado, não há perda de pressão no sistema, mas em um ventilador do mundo real, a pressão do ar cai entre a entrada e o ventilador, fazendo com que a quantidade de ar que se move para fora do ventilador seja bem menor.

A eficiência de um ventilador depende tanto do tipo de ventilador e da velocidade em que ela opera, de acordo com a Universidade do Estado de San Jose, nos EUA. A eficiência de um ventilador pode ser calculada matematicamente, mas os fabricantes também fornecem o tamanho das curvas, que são uma ferramenta simples para estimar a eficiência.

Instruções

Eficiência de um ventilador (Hemera Technologies/AbleStock.com/Getty Images)

    Calculando a eficiência

  1. Teste o ventilador para determinar a potência de freio (BHP). Você pode ser capaz de estimar o BHP a partir de dados fornecidos pelo fabricante, mas de acordo com George Clifford no livro "Aquecimento, Ventilação e Ar-Condicionado", você só pode determinar o BHP real testando o ventilador.

    Loading...
  2. Calcule a pressão total do ventilador subtraindo a pressão total na saída da pressão total na entrada.

  3. Calcule a eficiência do ventilador através da multiplicação do volume do ventilador em pés cúbicos por minuto (cfm), pela pressão total do ventilador. Divida este número por 6,356 e multiplique pela BHP.

    Usando as curvas do ventilador

  1. Identifique o volume de ar produzido pelo ventilador sobre o eixo horizontal do gráfico.

  2. Siga a linha vertical a partir deste ponto até a curva marcada "TE" para ver a eficiência total.

  3. Mova horizontalmente ao eixo vertical direito. O número sobre este eixo dá a eficiência total do ventilador.

Loading...

O que você precisa

  • Curvas do ventilador

Referências

Recursos

Loading ...
Loading ...