Mais
×

Como calcular o limite de escoamento de duas partes

Atualizado em 23 março, 2017

O escoamento identifica quanta "elasticidade" um objeto tem por flexão, compressão ou tração. É uma propriedade fundamental de objetos sólidos. Conhecer o limite de escoamento é importante para a construção, engenharia, fabricação de produtos e muitos outros campos. Os cientistas também observam para analisar as propriedades dos compostos ou produtos químicos que estão investigando. Você pode calcular o limite de escoamento de duas partes usando uma equação simples.

Instruções

Calcule o limite de escoamento de dois objetos somando-os (Photos.com/Photos.com/Getty Images)
  1. Reúna informações sobre o material que você está examinando. Pode-se obtê-las do fabricante ou de tabelas padrão de informação. Também pode-se derivar de outras equações.

  2. Procure informações, incluindo a força (em termos de Kgf) e a área de corte transversal (em termos de centímetros quadrados). A equação para tensão uniaxial é: Tensão = Força/Área de seção transversal.

  3. Compare as áreas de seção transversal das duas partes que serão tensionadas e a força aplicada. O escoamento inicial é definido como 0,02% da força. O material quebrará quando a força aplicada em um dos lados da equação exceder o objeto em repouso.

  4. Some as áreas de seção transversal das duas partes para encontrar a força necessária para ambos os objetos cederem ou quebrarem.

Cite this Article A tool to create a citation to reference this article Cite this Article