on-load-remove-class="default-font">
×
Loading ...

Como calcular o ponto isoelétrico de peptídeos

Atualizado em 21 fevereiro, 2017

Os peptídeos são fragmentos de polímeros curtos compostos de aminoácidos. Cada peptídeo tem uma certa sequência de aminoácidos denotada com um código de três letras ou de apenas uma; por exemplo, o aminoácido alanina é abreviado como "Ala" ou "A". A carga de peptídeos na solução depende de sua acidez. O ponto isoelétrico (pI) refere-se ao valor de acidez da solução em que a molécula de peptídeo tem a carga líquida igual a zero. A solubilidade do peptídeo é mínima no ponto isoelétrico. Use servidores da web disponíveis para calcular o valor do pI para uma sequência de aminoácidos de um peptídeo.

Instruções

Calcule o ponto isoelétrico de peptídeos (Comstock Images/Comstock/Getty Images)
  1. Faça a sequência do peptídeo utilizando o código de uma letra. Por exemplo, se um peptídeo tiver uma sequência de aminoácidos Ala-Ser-Glu-Leu-Pro (Alanina — Serina — Ácido glutâmico — Leucina — Prolina), então a sequência de uma letra seria "ASELP". Se necessário, consulte a tabela de conversão de uma letra para três letras fornecida na seção Recursos.

    Loading...
  2. Use qualquer navegador, como o Internet Explorer ou Firefox, para entrar em um servidor que calcule o ponto isoelétrico de um peptídeo (pI); consulte Recursos.

  3. Digite a sequência de uma letra do peptídeo — no nosso exemplo, "ASELP" — na caixa e clique em "Compute" (Calcular).

  4. Leia o valor do ponto isoelétrico (pI) dado na linha de "Theoretical pI/Mw" (pl teórico). No nosso exemplo, o pI é de 4,00. Repare que o servidor também calcula o peso molecular (Mw) do peptídeo.

Loading...

Referências

Recursos

Loading ...
Loading ...