×
Loading ...

Como calcular o torque de atrito

Atualizado em 20 julho, 2017

O torque é descrito como uma força que age a determinada distância de um eixo fixo, como uma porta que gira em relação a uma dobradiça ou um corpo suspenso por uma corda em uma polia. O torque pode ser afetado por uma força opositora que resulta de uma superfície resistente, identificada como atrito. Portanto, o torque de atrito é calculado como a diferença entre o torque aplicado e o resultante (observado).

Instruções

Quando uma porta é aberta, um torque é realizado em relação à dobradiça (Image Source/Photodisc/Getty Images)
  1. Determine o torque resultante em um sistema sem atrito com uma polia de determinado raio (R) e massa (m1), além de um corpo suspenso com massa m2. O torque resultante é igual à aceleração angular do corpo suspenso multiplicada pelo momento de inércia da polia.

    Torque resultante = aceleração angular * momento de inércia da polia Aceleração angular = (aceleração do corpo de massa m2) / (raio da polia) Momento de inércia da polia = (massa da polia / 2) * (raio da polia)²

    Loading...
  2. Determine o toque aplicado (observado) no mesmo sistema, embora considerando o atrito. O cálculo será como o anterior; contudo, a aceleração do corpo será menor devido ao atrito adicionado à polia.

    Torque aplicado = aceleração angular (com atrito) * momento de inércia da polia

  3. Encontre o torque de atrito ao subtrair o torque aplicado do resultante.

    Torque resultante = torque aplicado + torque de atrito Torque de atrito = torque resultante - torque aplicado

Loading...

Referências

Loading ...
Loading ...