Capsulas de Gel Líquido versus Cápsulas Duras

Escrito por sarah thomas | Traduzido por contributing writer
  • Compartilhar
  • Tweetar
  • Compartilhar
  • Pin
  • E-mail
Capsulas de Gel Líquido versus Cápsulas Duras
Cápsulas duras costumam ser compostas de duas partes (capsule image by Bosko Martinovic from Fotolia.com)

Em farmacologia, as cápsulas são recipientes vazios que contêm formas líquidas ou em pó de medicamentos para uso oral. As cápsulas podem ser fabricadas em cápsulas gelatinosas moles que contenham líquidos ou em cápsulas duras, que frequentemente contêm formas de medicamentos em pó. Ambos os tipos de cápsulas são normalmente feitas de gelatina, apesar de alguns fabricantes terem desenvolvido formas não-gelatinosas para vegetarianos. Os tipos de cápsulas diferem em suas vantagens e desvantagens.

Outras pessoas estão lendo

História

Cápsulas foram primeiramente patenteadas para uso em 1830 por Joseph Gerard AugusteDublanc e François Achille Barnabe Mothes, de acordo com Capsugel. As primeiras cápsulas patenteadas foram feitas a partir de gelatina mole. Em 1846, Jules Lehuby obteve uma patente para cápsulas de duas peças duras, como as que estão em uso hoje. Uma vez que estas cápsulas eram feitas à mão, houve dificuldades na obtenção de precisão nas duas partes para que se encaixassem bem. Em 1931, Arthur Colton inventou uma máquina para fazer ambas as partes de cápsulas, para que se encaixassem corretamente. As máquinas que fazem cápsulas de hoje são baseadas na invenção de Colton.

Função

As cápsulas e cápsulas de gel líquido são duas maneiras de encapsular um medicamento para tornar a administração mais fácil. A cápsula é mais fácil de engolir e tem menos gosto do que um medicamento líquido. Inserir medicamentos em pó em uma cápsula fornece uma maneira fácil para um paciente de obter a medicação. Uma vez que as cápsulas moles e duras são feitos de gelatina, elas se dissolvem facilmente durante a digestão para liberar o remédio dentro do corpo do paciente.

Diferenças

As cápsulas são feitas de uma gelatina seca e endurecida. As cápsulas moles ou cápsulas de gel líquido são formadas a partir de uma gelatina líquida, que é posteriormente endurecida em um ambiente úmido. Cápsulas gelatinosas moles são uma peça contínua de gelatina, enquanto cápsulas duras são feitas de duas peças que são montadas, uma vez que tenham sido preenchidas com medicação.

Medicamentos

Cápsulas moles de gel líquido são bem adaptadas a medicamentos líquidos e suplementos à base de óleo. Durante o processo de fabricação, os aditivos podem ser combinados com os medicamentos líquidos para torná-los mais saborosos, ou para melhorar a absorção no organismo. Medicamentos em pó podem ser usados em um gel mole se forem misturados com líquidos ou combinados em uma pasta. Já as cápsulas duras são frequentemente enchidas com medicamentos em pó. Aditivos podem ser adicionados ao medicamento em pó para fazer o medicamento de liberação rápida ou de longa duração. Em ambos os tipos de cápsulas, medicamentos podem ser combinados, por isso mais de um medicamento pode ser consumido em uma pílula.

Considerações

As cápsulas duras são menos resistentes à adulteração do que uma cápsula macia de gel líquido, pois as cápsulas são projetadas em duas partes que podem ser desmontadas. Cápsulas de gel líquido são difíceis de adulterar, pois elas são uma peça contínua de gelatina.

Não perca

Filtro:
  • Geral
  • Artigos
  • Slides
  • Vídeos
Mostrar:
  • Mais relevantes
  • Mais lidos
  • Mais recentes

Nenhum artigo disponível

Nenhum slide disponível

Nenhum vídeo disponível