Como ser um cartunista

Escrito por audrey farley | Traduzido por gabriela vilas boas ornelas
  • Compartilhar
  • Tweetar
  • Compartilhar
  • Pin
  • E-mail
Como ser um cartunista
Muitos personagens de desenho animado tornaram-se ícones culturais conhecidos internacionalmente (Hemera Technologies/PhotoObjects.net/Getty Images)

Cartunistas desenham a trama e a história das animações que serão transmitidas na televisão e no cinema. Criar desenhos animados é uma profissão altamente competitiva, como muitas carreiras nas artes e na indústria de entretenimento. Os cartunistas têm de provar habilidade criativa especial e imaginação para serem contratados por um estúdio. Os profissionais bem-sucedidos nesse ramo tendem a ter uma combinação de talento natural, treinamento e experiência.

Nível de dificuldade:
Moderado

Outras pessoas estão lendo

Instruções

  1. 1

    Anote ideias em um caderno para potenciais histórias. Assista a desenhos animados populares, atuais e antigos, em busca de inspiração, mas busque conceber uma ideia original que distinga seu desenho animado. Compartilhe seus projetos com os amigos mais próximos, de confiança, para obter feedback.

  2. 2

    Escreva um roteiro-piloto. Normalmente, os roteiros-piloto no mundo dos desenhos animados têm em torno de 20 páginas, em espaço duplo. Um script, nome muito usado para esse tipo de roteiro, contém um conflito central ou problema que o personagem deve resolver, com começo, meio e fim. Escreva uma "bíblia", que é um esboço de 13 episódios de uma série de desenhos animados. Não é necessário escrever roteiros completos para episódios de 2 a 13, mas anote informações básicas que deem aos produtores uma noção do desenrolar de seu projeto.

  3. 3

    Elabore breves descrições dos personagens de seu desenho animado. Crie personagens que são "redondos", em vez de "planos". Personagens redondos são multidimensionais e têm personalidades e características complexas, sendo, por isso, mais interessantes do que personagens planos unilaterais. Crie personagens que entram em conflito com os outros ou tenham interações interessantes.

  4. 4

    Desenhe ilustrações dos personagens ou crie um protótipo de brinquedo, se desejar. Embora não seja necessário, dar aos produtores uma noção visual de seu conceito pode ajudá-los a imaginar o roteiro e melhorar suas chances de obter um contrato.

  5. 5

    Contrate um agente ou divulgador na internet para lançar a série de desenhos animados diretamente. Agentes reduzem um pouco seu salário, mas tendem a ter mais influência e sabem lidar com redes e estúdios. Se você não estiver familiarizado com a indústria ou tem dificuldade de conseguir uma entrevista sozinho, contrate um agente.

  6. 6

    Lance sua ideia. Na reunião, apresente seu roteiro-piloto, a "bíblia" e as ilustrações ou os protótipos aos representantes da rede. Discuta mais detalhadamente as ideias que você esboçou na "bíblia". Se conseguir um contrato, organize os termos, tais como o número de episódios que foi contratado para escrever, o pagamento por episódio, o tipo de animação (ou ilustração gerada por computador, por exemplo) e outros detalhes.

  7. 7

    Discuta diretrizes para o conteúdo, como temas e linguagem que podem aparecer no roteiro. Dependendo do meio de divulgação e da categoria, você pode precisar suavizar o conteúdo para tornar o desenho animado apropriado para a idade do público-alvo.

Dicas & Advertências

  • Evite publicar suas ideias, para que outro escritor não as roube antes de você ter a chance de desenvolver o desenho animado.

Não perca

Filtro:
  • Geral
  • Artigos
  • Slides
  • Vídeos
Mostrar:
  • Mais relevantes
  • Mais lidos
  • Mais recentes

Nenhum artigo disponível

Nenhum slide disponível

Nenhum vídeo disponível