O que fazer no caso de uma ferida causada por mordida humana?

Escrito por dee davies | Traduzido por fernando telles
  • Compartilhar
  • Tweetar
  • Compartilhar
  • Pin
  • E-mail
O que fazer no caso de uma ferida causada por mordida humana?
Mordidas humanas podem causar infecções graves e trazer riscos à saúde (Pixland/Pixland/Getty Images)

Mordidas humanas que perfuram a pele podem levar a infecções graves, cicatrizes e danos aos tendões e articulações. As mordidas ocorrem durante brigas onde um indivíduo corta sua mão sobre os dentes de outra pessoa. Saber o que fazer em caso de um ferimento desses reduz o risco de consequências graves para a saúde. Todas as mordidas humanas requerem atenção médica.

Outras pessoas estão lendo

Primeiros socorros

Trate a pessoa imediatamente após a ocorrência. Se possível, coloque um par de luvas de plástico ou borracha; se não tiver luvas disponíveis, minimize ao máximo o contato da pele com a ferida para evitar uma maior contaminação. Gentilmente aplique um pano limpo sobre a área e a mantenha pressionada para estancar o sangramento. Se estiver sangrando muito, eleve a área afetada acima do nível do coração. Caso a ferida seja no torso ou nas costas, deixe a pessoa em uma posição reclinada e assegure-se que a ferida esteja virada para cima. Mantenha pressão sobre ela. Quando o sangramento parar, lave a área com um sabonete antisséptico, se disponível. Faça isso cuidadosamente para evitar que a pele seja puxada, ocasionando em outra hemorragia. No caso de feridas menores, aplique um creme antibiótico sobre a área e cubra com um curativo limpo. Se a ferida for aberta, não tente limpá-la ou aplicar pomada antibiótica. Procure ajuda médica, mesmo se o ferimento parecer menor.

Tratamento médico

Se a ferida estiver sangrando muito, mantenha pressão sobre a área. Não retire os curativos encharcados com sangue para substituí-los por outros secos, basta colocar o novo em cima. Puxar os curativos provoca mais sangramento e deixa a ferida mais vulnerável à infecções. Feridas no rosto, mãos, pescoço, pulso ou pés têm um maior risco de sangramento intenso, infecção e dano. Feridas profundas podem danificar os tendões e articulações. Um reforço de vacina antitetânica será necessário caso tenham-se passado cinco anos desde a última dose.

Cudados posteriores

Dependendo da gravidade, talvez pontos ou cirurgia reconstrutiva sejam necessários. Em casos graves, as infecções são mais difíceis de serem tratadas e antibióticos são administrados por via intravenosa. Em casos menos graves recebem tratamento com antibióticos como medida de precaução. Leve todos os antibióticos prescritos pelo médico e siga as instruções de tratamento. A boca humana abriga muitos germes e a saliva facilmente transporta os germes quando encontra uma ferida aberta. Monitore a ferida por sinais de descarga, vermelhidão, inchaço ou pus. Procure atendimento médico imediato quando qualquer desses sinais de infecção estiverem aparentes.

Não perca

Filtro:
  • Geral
  • Artigos
  • Slides
  • Vídeos
Mostrar:
  • Mais relevantes
  • Mais lidos
  • Mais recentes

Nenhum artigo disponível

Nenhum slide disponível

Nenhum vídeo disponível