O que causa a batida de pino em marcha lenta do PowerStroke?

Escrito por mitchell brock | Traduzido por mariana de mello andré scarani
  • Compartilhar
  • Tweetar
  • Compartilhar
  • Pin
  • E-mail
O que causa a batida de pino em marcha lenta do PowerStroke?
O motor PowerStroke é exclusivo da Ford Motor Company (Kim Steele/Digital Vision/Getty Images)

O motor PowerStroke foi lançado em 1994 pela Ford Motor Company, que o desenvolveu para que os caminhões Ford fossem mais versáteis. O fabricante e empresa automotiva queria um caminhão forte, que conseguisse trabalhar sob carga, e ainda assim pudesse ser usado no dia-a-dia. Ao longo do tempo, o PowerStroke começou a apresentar alguns problemas, como um ruído alto de batida de pino quando está em marcha lenta.

Outras pessoas estão lendo

Óleo baixo

Um boletim de serviço técnico foi emitido em 2000 no caminhão Ford Excursion sobre um ruído de batida de pino que ocorria no motor PowerStroke 7.3. O motor a diesel possui um ruído de batida de pino inerente à sua operação, mas o TSB notou a ocorrência de ruídos acima da média. Após uma investigação pelo departamento local de manutenção, os técnicos descobriram que estavam operando o veículo com pouco óleo, fazendo com que os componentes do motor trabalhassem com menos lubrificação, o que pode causar a batida de pino e uma marcha lenta mais ruidosa do que era.

Parafusos do cabeçote

O motor PowerStroke possui parafusos que prendem o cabeçote ao motor. Eles costumam se dilatar sob pressão. Sua conexão faz com que seu cabeçote se afrouxe, fazendo o motor bater pino em marcha lenta e em uso normal. O tipo de parafuso de cabeçote usado nesses motores é considerado o elo mais fraco do PowerStroke, segundo a International Power Stroke. As informações do site dizem que o problema do parafuso do cabeçote é um dos mais comuns do motor Powerstroke 6.0.

Sujeira e óleo

Outra causa de altos níveis de ruído e batida de pino é o acúmulo de sujeira e óleo no sistema de recirculação de gases de escape (EGR). Este acúmulo faz as válvulas do sistema entupirem e pararem de funcionar ao longo do tempo. Conforme a sujeira e o óleo se acumulam na válvula, o turbocompressor sofre uma sobrepressão, que causa a batida de pino. O consumo também piora, devido à temperatura baixa da combustão durante a marcha lenta. A combinação de acúmulo de sujeira, temperatura de combustão baixa e entupimento da válvula EGR causa um ruído semelhante à batida de pino durante a marcha lenta.

Junta do cabeçote

Um boletim técnico de serviço publicado pelo fabricante do motor PowerStroke informa que a junta do cabeçote está vazando prematuramente. Quando o óleo começar a vazar pelo cabeçote do motor, o motor o perderá rapidamente. Como notado anteriormente, o funcionamento do PowerStroke com pouco óleo causa um barulho de batida de pino durante a marcha lenta e a condução normal. O proprietário deve levar o veículo a um mecânico qualificado, e pedir para substituir a junta por um modelo exclusivo para substituição após o vazamento começar. Não foi feito recall, até a data da publicação deste artigo.

Não perca

Filtro:
  • Geral
  • Artigos
  • Slides
  • Vídeos
Mostrar:
  • Mais relevantes
  • Mais lidos
  • Mais recentes

Nenhum artigo disponível

Nenhum slide disponível

Nenhum vídeo disponível