×
Loading ...

O que causa a ferrugem da batata?

Atualizado em 22 julho, 2017

A ferrugem tardia é uma doenças das folhas da batata (Solanum tuberosum). A batata é classificada como uma das cinco mais importantes safras no mundo, tornando-a altamente importante na economia. Esta doença é mais preocupante e arrasadora no cultivo da batata na América do Norte atualmente. Sem proteção contra pestes como a ferrugem tardia, a produção de batatas se reduziria a aproximadamente 75 %, devido a agentes patológicos, vírus, pestes animais e ervas daninhas.

As batatas são uma das safras mais economicamente importantes em todo o mundo (Hemera Technologies/AbleStock.com/Getty Images)

Causas

O oomycete (organismo semelhante ao fungo) patógeno Phytophthora infestans causa a ferrugem tardia e sobrevive em batatas infectadas no campo, na armazenagem ou nas sobras não aproveitadas. Os esporos da ferrugem tardia são transportados por muitos quilômetros pelo vento e pela chuva, podendo destruir uma plantação de batatas inteira em pouquíssimo tempo. As condições mais altamente favoráveis para a ferrugem incluem solo encharcado, alta umidade e temperaturas moderadas (aproximadamente entre 10 a 22º C). A água é importante na germinação dos esporos da ferrugem tardia, o que possibilita que penetrem na superfície da batata e infectem a planta.

Loading...

História

A maior catástrofe natura causada pela ferrugem tardia da batata é relacionada como A Grande Fome da Irlanda (1845-1852). Durante este período, a população do país foi reduzida de 20 a 25 por cento quando aproximadamente um milhão de pessoas morreram e dois milhões emigraram.

Apesar das batatas terem sido introduzidas inicialmente como uma cultura de jardim, por volta do início do século XVIII, um terço da população vivia de batatas para seu próprio sustento. Para dar suporte a esse produto alimentício essencial, a metragem das plantações expandiu sem diversificação das espécies de batata. Houve, durante cinco anos consecutivos, várias infestações da ferrugem tardia na Irlanda, devastando as plantações inteiras de batatas. Ações e equívocos do governo Whig durante este período somente intensificaram a magnitude da situação por meio da segurança alimentar e regulações de propriedades. Os efeitos da Grande Fome moldaram permanentemente a demografa, política e paisagem cultural da Irlanda.

Até hoje, as causas exatas da ferrugem tardia na Irlanda continuam desconhecidas. Entretanto, muitas pessoas acreditam que a peste foi primeiro introduzida na Europa pelo navios cargueiros chegando do Peru ou do Noroeste dos Estados Unidos. Apesar de centenas de outras colheitas de batatas destruídas terem sido reportadas, a Grande Fome permanece a mais devastadora ocorrência da ferrugem da batata da história.

Sintomas

Os sintomas da ferrugem tardia desenvolvem-se nas folhas e nos tubérculos das batatas infectadas no campo dentro de 4 a 8 dias após a infecção inicial. Os sinais comuns da ferrugem aparecem como lesões encharcadas na superfície e nas pontas das folhas. Estas lesões crescem diariamente, tornando-se marrons com borda verde-clara, quando a umidade (chuva, orvalho ou irrigação) aumenta. O branco crescente e os esporos desenvolvem-se nos lados de baixo das folhas, os quais são mais reconhecíveis no início da manhã. Além disso, os sintomas da ferrugem tardia podem ocorrer nos tubérculos como manchas de forma irregular marrom-claro ou roxas.

Controle

Para controlar a ferrugem tardia em batatas, os fazendeiros podem usar variedades resistentes, controle químico, como pesticidas, ou um programa integrado de manejo de pestes (IPM). O IPM para a ferrugem tardia promove o uso de controles culturais e biológicos junto com um sistema de monitoramento de colheitas.

A meta de controle de culturas para prevenir a introdução da ferrugem tardia pela destruição de tubérculos infectados e manejo de refugos de modo adequado é feito das seguintes maneiras: queima, compostagem, distribuição no campo no inverno (congelando e matando o fungo) ou cobertura com plástico no verão (aquecendo e eliminando o fungo). O controle biológico se refere à utilização de batatas mais resistentes à doença e à criação de um ambiente indesejável para o crescimento de fungos. O monitoramento de esforços contínuos assegura a redução dos riscos de doença por meio da detecção precoce da infecção.

Loading...

Referências

Loading ...
Loading ...