O que causa torpor emocional

Escrito por lia stannard | Traduzido por joan diaz
  • Compartilhar
  • Tweetar
  • Compartilhar
  • Pin
  • E-mail
O que causa torpor emocional
Há pessoas que estão tristes e isto se deve por algum motivo (Jupiterimages/BananaStock/Getty Images)

Quando as pessoas se sentem emocionalmente estarrecidas, podem se sentir desligadas de uma situação. Por exemplo, uma pessoa numa situação triste que não parece querer chorar. Torpor emocional também pode causar uma pessoa a não ter esperanças sobre seu futuro. Condições psicológicas diferentes ou reações a certos eventos podem causar torpor emocional.

Outras pessoas estão lendo

Desordem do estresse pós-traumático

Quando as pessoas passam por um evento traumático, como uma guerra, um ataque sexual ou um desastre natural, o trauma pode afetá-los emocionalmente. Alguns sobreviventes desses traumas podem desenvolver um tipo de desordem de ansiedade chamada de desordem de estresse pós-traumático. Os pacientes podem ter memórias intrusivas, como flashbacks, que os lembram do evento. Se o flashback for extremamente vívido, o paciente pode reagir emocionalmente. A Mayo Clinic explica que dois tipos de respostas emocionais podem ocorrem com esta desordem: desligamento ou excitação emocional, como ficar facilmente assustado. Durante esta fase, os pacientes devem evitar pensar sobre o evento traumático. Pacientes com esta desordem podem ter dificuldade em manter relacionamentos mais próximos. Problemas de concentração e memória também podem ocorrer quando os pacientes ficam emocionalmente torpes.

Depressão

A Gustavus Adolphus College aponta que de 7 a 12% dos homens e de 20 a 25% das mulheres tem depressão, que é uma desordem do humor. A depressão muda o estado emocional do paciente. Muitas pessoas com depressão ficam tristes e tendem a chorar, e também pode causar desligamento emocional. Durante a depressão, os pacientes podem ter o prazer limitado durante as atividades de que costumavam gostar. Eles podem se sentir isolados e indignos de serem amados ou evitam as pessoas. Pessoas com depressão podem ter culpa desnecessária e auto-estima baixa. O pensamento também pode ser afetado pela depressão, o que resulta em dificuldade em fazer decisões ou se concentrar. Os pacientes também podem se criticar em demasia, colocando-se para baixo. A New Mexico State University nota que algumas pessoas chegam a se cortar como um jeito de lidar com o desligamento emocional.

Luto

Quando as pessoas perdem entes queridos, eles passam por pesar. A California State University Northridge aponta que entre 5 e 10% das pessoas passam por um período de luto em alguma hora. Durante a primeira fase do luto - choque e afastamento - as pessoas podem se sentir emocionalmente entorpecidas. Isso pode durar de uma a duas semanas após tomar conhecimento de uma perda. As pessoas podem descrer que o evento tenha acontecido. O desligamento emocional desaparece na segunda fase do luto, a fase mais aguda, quando as pessoas ficam emocionalmente consciente da perda.

Estresse

O estresse é uma parte normal da vida, mas quando se torna opressivo e começa a afetar o emocional de uma pessoa, é possível desenvolver torpor emocional. O estresse emocional pode resultar de conflitos em casa - como problemas num relacionamento - ou no trabalho - por exemplo, devido a críticas negativas. Por causa disto, pessoas emocionalmente estressadas podem ficar apáticas, usar mais álcool ou drogas, ter dificuldade em fazer decisões e dormir mais do que o normal. A Cleveland Clinic explica que algumas pessoas podem se machucar em resposta ao torpor emocional e o estresse esmagador.

Não perca

Filtro:
  • Geral
  • Artigos
  • Slides
  • Vídeos
Mostrar:
  • Mais relevantes
  • Mais lidos
  • Mais recentes

Nenhum artigo disponível

Nenhum slide disponível

Nenhum vídeo disponível