Causas de dor na panturrilha

Escrito por kalli harrison | Traduzido por fabrício basílio o. de souza
  • Compartilhar
  • Tweetar
  • Compartilhar
  • Pin
  • E-mail
Causas de dor na panturrilha
Dores graves ou prolongadas na panturrilha exigem atenção médica (dirty legs image by rrruss from Fotolia.com)

Dores na panturrilha podem significar algo tão simples como uma distensão menor no músculo ou, ainda, representar algo muito mais grave. A maioria das dores na panturrilha geralmente é leve e de curta duração. Uma lesão recente ou a execução de exercícios extenuantes podem ser uma explicação clara para a dor. A dor sem uma causa óbvia, no entanto, é um bom motivo para buscar atenção médica.

Outras pessoas estão lendo

Cisto de Baker

Um cisto de Baker, também chamado de cisto poplíteo, é um saco cheio de fluídos localizado atrás do joelho. O uso excessivo do músculo, ou condições artríticas podem fazer com que os fluidos das articulações se acumulem na cápsula articular, criando pressão suficiente para produzir um cisto. Às vezes, os cistos de Baker são grandes e podem romper-se, espalhando o fluído das articulações no músculo da panturrilha. O cisto pode não causar sintomas, mas muitas vezes resulta em inchaço atrás do joelho, rigidez e dor. Alguns podem notar dificuldade na flexão ou extensão total da panturrilha. A ruptura do cisto de Baker provoca dor aguda na panturrilha, e inchaço do joelho. Geralmente, o cisto de Baker não requer tratamento, e será curado por si só. Se necessário, o médico retirará o fluído do joelho com uma agulha fina, e só em casos raros a cirurgia é necessária. Um médico deve ser consultado para o inchaço atrás do joelho, já que pode indicar uma doença mais grave, como um coágulo de sangue.

Trombose venosa profunda

Às vezes a parte inferior da perna pode desenvolver um coágulo de sangue nas veias profundas. O coágulo é referido como um trombo. A trombose venosa profunda, ou TVP, surge devido a uma lesão da veia, uma diminuição do fluxo de sangue ou de uma maior tendência de coagulação do sangue. Pode não haver sintomas na TVP; em alguns casos, no entanto, pode apresentar dor, vermelhidão, sensibilidade e inchaço da panturrilha. A maioria das TVPs ocorrem em pessoas com mais de 60 anos, de acordo ao MedlinePlus, um site do National Institutes of Health. As pessoas com uma TVP possuem grandes riscos de ter um curso coágulo sanguíneo viajando desde a perna até os pulmões, o que é algo potencialmente fatal. Um médico deve ser consultado se os sintomas de uma TVP se manifestarem.

Claudicação intermitente

A claudicação intermitente é uma condição de sangue que reduz o fluxo de oxigênio e de sangue para as pernas, devido ao bloqueamento de artérias. Esta condição é um sinal da doença arterial periférica, que é um endurecimento das artérias nas extremidades. A claudicação intermitente provoca cólicas, dores e uma sensação de cansaço nas pernas durante a caminhada. O descanso alivia a dor e o desconforto. O Merck Manuals Medical Library relata que a doença arterial periférica afeta cerca de 12 por cento dos norte-americanos, mais os homens que as mulheres.

Não perca

Filtro:
  • Geral
  • Artigos
  • Slides
  • Vídeos
Mostrar:
  • Mais relevantes
  • Mais lidos
  • Mais recentes

Nenhum artigo disponível

Nenhum slide disponível

Nenhum vídeo disponível