Causas do excesso de ferro no sangue

Escrito por ellen swanson topness Google | Traduzido por pedro santos
  • Compartilhar
  • Tweetar
  • Compartilhar
  • Pin
  • E-mail
Causas do excesso de ferro no sangue
Excesso de ferro pode ser um indicador de diversas doenças. (blood pressure image by Ivonne Wierink from Fotolia.com)

Existem muitas causas para o excesso de ferro no sangue. Alguns sintomas são fadiga, fraqueza e queda de peso sem explicação. Além disso, o excesso de ferro pode causar perda de cabelos, respiração ofegante e perda do desejo sexual. O nível de ferrro de cada indivíduo deveria ser checado regularmente com um exame de sangue como parte de um exame anual, mas se você tem esses sintomas, marque uma consulta com seu médico para discutir causas e tratamentos.

Outras pessoas estão lendo

Absuso de álcool

Doenças relacionadas ao álcool, como cirrose, é uma razão comum de excesso de ferro no sangue. Mesmo que essa doença do fígado não esteja presente, os indivíduos que enfrentam o alcoolismo pode ter altos níveis de ferro no sangue. Isso porque o álcool age como catalisador para aumentar o nível de absorção do ferro pelo corpo.

hemocromatose

A hemocromatose é uma doença genética que faz com que o corpo armazene ferro em excesso, resultando em altos níveis de ferro. Essa doença ocorre quando o gene HFE é transmitido à criança por um dos pais. Caso a doença progrida sem tratamento pode causar cirrose, câncer do fígado, diabetes e problemas do coração. Normalmente as pessoas com essa doença não demonstram sintomas até a chegada da meia-idade. Alguns sintomas pode ser dores no abdômen, pele cor de bronze – ou acinzentada, impotência e artrite.

Dose excessiva

Algumas pessoas tomam suplementos de ferro quando se sentem cansadas ou fracas porque a sabedoria popular sugere que um nível baixo de ferro pode ser a causa. O problema é que excesso de ferro armazenado tem sintomas semelhantes. A intoxicação por ferro ocorre quando o organismo não consegue excretá-lo. A não ser que haja uma deficiência de ferro e seu médico prescreva de forma diferente, o limite máximo da dosagem adulta é de 45mg por dia. Para crianças, é de 40mg ao dia.

Múltiplas transfusões de sangue

Transfusões de sangue introduzem ferro no organismo. Pelo fato de o corpo não ter mecanismos naturais para remover o excesso de ferro, múltiplas transfusões podem levar a níveis elevados de ferro. Assim, indivíduos que sofrem de doenças em que transfusões de sangue são parte do tratamento precisam de monitoramento quanto à toxicidade do ferro.

Falso positivo

Assim como ocorre com qualquer exame de sangue, existe a possibilidade de erro humano no laboratório na hora de preparar, ler e armazenar o teste. Podem haver falsos positivos se o individuo estiver desidratado. Assim, se os resultados forem positivos para altos índices de ferro, seu médico provavelmente irá mandar fazer outro teste para confirmar os resultados.

Aviso

Níveis elevados de ferro certamente são motivo de preocupação pois são indicadores de diversas doenças, como alcoolismo, doenças do físico e hemocromatose. Assim, é importante fazer exames físicos regularmente, incluindo testar os níveis de ferro do sangue para assegurar uma intervenção a tempo caso alguma dessas condições precise ser tratada.

Tratamento

Caso você seja diagnosticado por seu médico como tendo elevados níveis de ferro, esse profissional pode lhe dar um remédio que se agregue ao ferro para que ele seja eliminado na urina. Talvez você tenha que fazer exame de sangue duas vezes por mês até que seus níveis decaiam. Às vezes o único tratamento é transfusão de sangue. Também é uma boa ideia diminuir as quantidades de alimentos ricos em ferro e evitar multivitamínicos com ferro.

Não perca

Filtro:
  • Geral
  • Artigos
  • Slides
  • Vídeos
Mostrar:
  • Mais relevantes
  • Mais lidos
  • Mais recentes

Nenhum artigo disponível

Nenhum slide disponível

Nenhum vídeo disponível