Os cinco piores hábitos para a pele

Escrito por lilly wallace | Traduzido por lara scheffer
Os cinco piores hábitos para a pele
Evite estes cinco piores hábitos para sua pele (Lilly Wallace)

Sabe-se que vários fatores afetam negativamente a pele, incluindo fumar, ingerir açúcar, consumir bebidas alcoólicas, dormir mal ou pouco e queimaduras de sol. Mas, mesmo que você evite todos esses hábitos, talvez ainda tenha comportamentos relacionados aos cuidados da pele que, mesmo parecendo inofensivos, estão danificando-a.

1. Bronzeamento

As queimaduras solares são um sinal claro de problemas na pele. Contudo, a exposição prolongada ao sol (bronzeamento) também afeta negativamente a pele e resulta no envelhecimento dela. A exposição à radiação ultravioleta afeta as células que renovam a pele e acelera o processo de envelhecimento que causa rugas e manchas escuras.

Proteja a pele da radiação prejudicial usando diferentes formas de proteção, como um chapéu de aba larga e um protetor solar forte que contenha óxido de zinco.

Os cinco piores hábitos para a pele
Deixar a proteção contra o sol de lado pode causar o envelhecimento da pele (Lilly Wallace)

2. Não remover a maquiagem

Dormir com maquiagem pode resultar no envelhecimento precoce e em danos à pele. Os poros ficam entupidos com os produtos, o que faz com que eles aumentem e não voltem ao tamanho normal. Isso acontece principalmente quando os níveis de colágeno começam a diminuir, e então os poros entupidos podem deixar a textura da pele pouco uniforme. Num artigo de 2013 para o jornal Daily Mail, Anna Pursglove relata que num experimento realizado uma mulher não tirou a maquiagem por um mês e, de acordo com Pursglove, aparentava ser 10 anos mais velha depois de 30 dias.

A melhor maneira de remover a maquiagem da pele é usando um demaquilante neutro e solúvel em água, que quebra qualquer produto e não deixa resíduos que possam entupir os poros. Ao usar maquiagem pesada, limpe a pele duas vezes para garantir que nenhum resíduo fique para trás.

Os cinco piores hábitos para a pele
Não remover a maquiagem pode causar o envelhecimento precoce da pele (Lilly Wallace)

3. Esfoliação excessiva

A esfoliação ajuda a remover as células mortas que podem se acumular na camada superior da pele e deixá-la opaca, entupir os poros e desencadear surtos de acne. Contudo, a esfoliação em excesso pode causar irritação, sensibilidade e até danificar a camada mais externa da derme.

Escolha os produtos de esfoliação com base no seu tipo de pele. Se ela for sensível, não use produtos que contenham grandes partículas esfoliantes, pois elas podem causar irritações. As opções mais adequadas para peles delicadas incluem produtos de limpeza e máscaras suaves que contêm enzimas de frutas, que esfoliam a pele suavemente.

Os cinco piores hábitos para a pele
A esfoliação em excesso pode danificar a camada externa da pele (Lilly Wallace)

4. Utilizar os produtos incorretos para a pele

Escolher o produto correto para a pele é um processo de tentativa e erro. Encontrar uma rotina balanceada que funcione pode ser um desafio, principalmente se você tiver um tipo difícil de pele. Contudo, sempre prefira os produtos feitos para seu tipo específico de pele para evitar ingredientes nocivos.

Se a pele começar a queimar, arder, ficar avermelhada, escamar ou ficar muito oleosa após usar um certo produto, ele provavelmente não é adequado para você.

Os cinco piores hábitos para a pele
Use produtos feitos para seu tipo de pele (Lilly Wallace)

5. Espremer espinhas

Espremer espinhas pode resultar em cicatrizes e em hiperpigmentação difícil de curar. A menos que a extração seja feita por um esteticista licenciado — ou em casa, usando técnicas corretas e seguindo instruções de um profissional — é melhor não espremer as espinhas. Em vez disso, aplique uma pomada anti-inflamatória para promover a cicatrização.

Os cinco piores hábitos para a pele
Espremer espinhas pode resultar em hiperpigmentação da pele (Lilly Wallace)