Como saber se você está com uma clavícula quebrada

Escrito por vanessa newman | Traduzido por bruna leoncio
  • Compartilhar
  • Tweetar
  • Compartilhar
  • Pin
  • E-mail
Como saber se você está com uma clavícula quebrada
Uma queda ou forte batida no ombro pode fraturar a clavícula (Football image by Richard McGuirk from Fotolia.com)

Imagine que você esteja jogando futebol com seu filho. Você cai em cima de um ombro e, ao levantar, sente uma dor intensa. Nesse caso, é possível que tenha quebrado a clavícula. Essa é uma fratura extremamente comum, geralmente causada por prática de esportes, quedas ou acidentes de carro. Por outro lado, você pode ter apenas contundido o osso. É preciso checar sintomas específicos e tomar certas atitudes para determinar se a clavícula está realmente quebrada.

Nível de dificuldade:
Moderadamente fácil

Outras pessoas estão lendo

Instruções

    Avaliando a fratura da clavícula

  1. 1

    Avalie seu nível de dor. Uma clavícula quebrada dói muito. Em uma escala de um a dez, com um sendo o indicador de dor nenhuma, determine seu nível. Se ele for de um a três, então sua clavícula provavelmente não está quebrada. Já de cinco a dez na escala de dor pode indicar uma fratura. Toque a área dolorida e, se um ponto específico da clavícula estiver doendo, esse é o provável local da fratura.

  2. 2

    Verifique se há um inchaço incomum no seu ombro. Pode haver também uma corcunda ou um deslocamento visível. Além da dor intensa, se você observar um osso exposto ou um nódulo duro, isso pode significar uma clavícula quebrada.

  3. 3

    Olhe seu ombro no espelho. Se o ombro afetado parecer arqueado ou caído, a Academia Americana de Cirurgiões Ortopédicos (American Academy of Orthopaedic Surgeons) diz que esse é um sintoma de ombro quebrado. De qualquer forma, também pode ser um problema no alinhamento de sua coluna. Procure por descolorações de pele ou contusões no local da dor.

  4. 4

    Tente mover o ombro afetado. Se a dor se intensificar com o movimento ou se você não conseguir movimentá-lo, então a clavícula provavelmente está quebrada. Segundo a Mayo Clinic, a inabilidade de movimento ou a dor aumentada pelo movimento são sinais de um osso quebrado. Além disso, sons de rangidos ou estouros são outra indicação de fratura.

  5. 5

    Faça um raio X. Essa é a melhor maneira de atestar uma clavícula quebrada, determinando o local exato da fratura.

Dicas & Advertências

  • Crianças são mais suscetíveis a fraturar a clavícula, então se o seu filho teve uma queda ou sofreu uma batida, suspeite de um osso quebrado.
  • Uma clavícula quebrada também pode estar machucada, então não assuma que o caso seja "apenas uma contusão" sem avaliar todos os sintomas.

Não perca

Filtro:
  • Geral
  • Artigos
  • Slides
  • Vídeos
Mostrar:
  • Mais relevantes
  • Mais lidos
  • Mais recentes

Nenhum artigo disponível

Nenhum slide disponível

Nenhum vídeo disponível