Como cobrir uma cicatriz com uma tatuagem

Escrito por ehow contributor | Traduzido por larissa frança
  • Compartilhar
  • Tweetar
  • Compartilhar
  • Pin
  • E-mail
Como cobrir uma cicatriz com uma tatuagem
Tatuagem (Stockbyte/Stockbyte/Getty Images)

As cicatrizes de queimaduras, procedimentos cirúrgicos, acidentes ou outros incidentes podem ser como uma mancha no corpo que você pode não suportar nem olhar. Considere cobrir a área com uma tatuagem clara para ficar melhor. Apesar de muitas cicatrizes serem cobertas por uma tatuagem com sucesso, tenha em mente que muitos desses procedimentos são tediosos e, em alguns casos, extremamente dolorosos. Antes de cobrir uma cicatriz, conheça todos os fatores e assegure-se de que o processo é seguro.

Nível de dificuldade:
Moderadamente desafiante

Outras pessoas estão lendo

O que você precisa?

  • Conselho médico
  • Conselho de um tatuador
  • Modelo apropriado de uma tatuagem

Lista completaMinimizar

Instruções

  1. 1

    Decida se ela deve ser coberta. A cicatriz deve ter pelo menos um ano antes de se considerar a cobertura com uma tatuagem. Quanto mais velha, melhor e mais provável que a área aceite a tinta. Além dos requisitos físicos, pense sobre as razões emocionais pelas quais você a quer coberta. Algumas mulheres que passaram por certas cirurgias acham a cicatriz um lembrete de uma experiência traumática.

  2. 2

    Considere a dor envolvida e decida se valerá a pena e se você será capaz de suportá-la por todo o processo. A tatuagem sobre cicatriz pode ser ainda mais dolorosa que a tatuagem comum, porque o tecido cicatricial é mais sensível que a pele normal. A menos que as terminações nervosas tenham sido destruídas durante a provação que deixou a cicatriz, você sentirá dor mais precisamente nas áreas marcadas. E mais, se o tatuador tiver que passar pelo mesmo ponto várias vezes, cada nova passagem será mais dolorosa.

  3. 3

    Peça o conselho do seu médico sobre cobrir a cicatriz com uma tatuagem. Ele pode saber de razões que você não esteja ciente e que te façam mudar sua decisão sobre o procedimento. Ele pode também conhecer tatuadores que cobriram cicatrizes com sucesso no passado, que outros pacientes tenham comentado. Enfim, se o profissional diz que existe uma razão médica para que esse procedimento não seja feito, então siga o conselho dele.

  4. 4

    Fale com tatuadores. Assegure-se que eles saibam o que você está fazendo, especialmente se é uma cicatriz particularmente difícil de cobrir. Olhe trabalhos similares anteriores que eles tenham feito. Eles devem ter fotos de antes e depois, para que a diferença possa ser vista claramente. Se a sua cicatriz for pequena, então a maioria dos artistas talvez possa ajudar você, mas se for longa, elevada ou tenha áreas que possam ser problemáticas, então procure alguém que tenha bastante experiência na área.

  5. 5

    Considere quaisquer limitações que possam haver em cobrir a sua cicatriz. Sua pele pode reter a tinta de maneira diferente por causa do tecido cicatricial, o que significa que a linha do trabalho pode não ficar tão bem feito e as cores podem não ficar tão brilhantes quanto ficariam em pele não danificada. A tatuagem também não irá modificar a textura da pele em cicatrizes em relevo, então, pode haver uma diferença perceptível no desenho dela. Essas anormalidades podem deixar você com resultados insatisfatórios que no fim não te deixarão contente. Um tatuador habilidoso deve ser capaz de explicar essas limitações à você.

  6. 6

    Determine se a cicatriz pode ser coberta. Se a área marcada é grande, então comece com algo pequeno para ver se a pele irá absorver a tinta. As áreas onde enxertos de pele foram feitos e grandes queimaduras podem não absorver a tinta e você não vai querer começar com um desenho grande e na metade do caminho perceber que a sua pele não toma completamente a tinta. Se você começar com uma tatuagem pequena, pode-se testar se o procedimento irá funcionar e então, ou cobrir a tatuagem pequena com um desenho maior ou incorporá-la a ele.

  7. 7

    Escolha um desenho que irá cobrir completamente, camuflar a cicatriz ou pelo menos complementá-la. Pode-se disfarçá-la com algumas cores de tintas e a forma, desenho e localização dela podem camuflar ainda mais as marcas.

Dicas & Advertências

  • Tatuar sobre uma cicatriz é provavelmente mais barato que uma cirurgia plástica, mas deve-se pesar os prós e contras para determinar se esse é um caminho que você quer tomar.
  • As queloides, especialmente as severas, são raramente cobertas por uma tatuagem. O procedimento pode irritar esses tipos de cicatrizes e elas geralmente não absorvem a tinta. Se estiver tentando cobrir uma queloide, muitos tatuadores irão se recusar a trabalhar sobre elas, mas podem sugerir tatuar ao redor e tentar incorporá-las ao desenho onde sejam muito menos perceptíveis.

Não perca

Filtro:
  • Geral
  • Artigos
  • Slides
  • Vídeos
Mostrar:
  • Mais relevantes
  • Mais lidos
  • Mais recentes

Nenhum artigo disponível

Nenhum slide disponível

Nenhum vídeo disponível