Coisas para se lembrar na hora de contratar um pintor

Escrito por chuck robert | Traduzido por guilherme rocha
  • Compartilhar
  • Tweetar
  • Compartilhar
  • Pin
  • E-mail
Coisas para se lembrar na hora de contratar um pintor
Pintores profissionais devem provar que sabem pintar bem (BananaStock/BananaStock/Getty Images)

Qualquer um pode tornar-se um pintor. No entanto, pintores profissionais provavelmente vão fazer o trabalho que lhe deixará mais satisfeito. Há muitas coisas a se fazer na hora de contratar o pintor, para garantir que ele seja qualificado para fazer uma pintura que atingirá suas expectativas.

Outras pessoas estão lendo

Entendendo a pintura

É interessante aprender sobre os métodos corretos de pintura mesmo se você estiver contratando um pintor, porque você entenderá o que precisará ser feito e saberá identificar profissionais da pintura que sabem o que estão fazendo. Leia livros e revistas sobre pintura.

Experiência

Pergunte ao pintor quantas casas ele já pintou. Veja se ele tem experiência suficiente em pintar residências como a sua. Já que esse tipo de serviço pode demorar anos até começar a apresentar problemas, peça referências mais antigas ao pintor. Tente ver serviços anteriores feitos por esse profissional, para que você possa avaliar o resultado final.

Remuneração do profissional

Se for contratar uma empresa de pintura, veja se ela tem algum programa de indenização, para que você não precise pagar por qualquer acidente de trabalho. Diga a ele a idade de sua casa, porque dependendo da idade, ela pode ter demãos de tinta que contém chumbo, o que pode trazer problemas de saúde para o pintor. Sabendo disso, ele tomará as medidas necessárias para proteger sua saúde.

Detalhes

Preste atenção em quanto tempo o pintor passará estudando sua casa para avaliar o serviço que fará. Pintores que passam muito tempo fazendo essa verificação provavelmente avaliarão melhor o tempo e o dinheiro necessários para fazer o serviço. Pegue estimativas dos custos de mão-de-obra, materiais, número de demãos necessárias e procedimentos para novas demãos de tinta. Examine com cuidado todos os detalhes do contrato, incluindo o número de demãos de tinta necessários, ferramentas usadas, como ele se livrará dos restos da obra, garantias, data de início e conclusão, multas por não fazer o trabalho no tempo estipulado e prazo de pagamento. Se for uma empresa de pintura, pegue suas informações completas, incluindo nome, endereço e número de telefone.

Suas especificações

Informe suas expectativas ao pintor antes de começar a obra. Por exemplo, se no passado os pintores fizeram uma pintura desigual e você quer que isso seja corrigido, informe logo no começo, porque eles provavelmente embutirão o custo desse serviço no preço final.

Garantias

Peça ao pintor para dar uma garantia de dois anos no serviço feito inicialmente, para caso de pintura descascada, com bolhas, desgastada ou desbotada. Se o pintor disser que a tinta tem garantia, diga que você quer uma sobre o trabalho, porque a mão-de-obra custa mais do que a tinta. Pesquise tintas e escolha a que é mais adequada para sua casa.

Não perca

Filtro:
  • Geral
  • Artigos
  • Slides
  • Vídeos
Mostrar:
  • Mais relevantes
  • Mais lidos
  • Mais recentes

Nenhum artigo disponível

Nenhum slide disponível

Nenhum vídeo disponível