Quando usar um colar cervical macio

Escrito por andrea helaine | Traduzido por marcos vinicios de araújo barros
  • Compartilhar
  • Tweetar
  • Compartilhar
  • E-mail

O colar cervical macio ajuda a estabilizar a coluna cervical ou o pescoço no caso de alguma lesão recente, dor ou cirurgia. Alguns neurocirurgiões e especialistas em coluna vertebral evitam recomendar o uso de um colar cervical no tratamento de dores na coluna. Além disso, o uso desse equipamento é debatido entre os especialistas. Os colares cervicais macios não devem ser usados durante muito tempo, porque a imobilização pode causar efeitos adversos, como a perda de massa muscular e rigidez.

Outras pessoas estão lendo

Radiculopatia cervical

As lesões causadas na raiz do nervo cervical geralmente provocam dor, dormência e fraqueza. Esses sintomas normalmente envolvem problemas, como degeneração dos discos, estreitamento da coluna ou hérnia de disco. Tais sintomas se irradiam desde o pescoço até outras extremidades. Para limitar certas atividades, o tratamento da coluna cervical pode envolver a limitação dos movimentos para aliviar a compressão dos nervos. Nesse caso, o colar cervical pode ser recomendado por um curto período de tempo para limitar determinados movimentos.

Colar cervical e cuidados pós-operatórios

Dependendo do tipo de cirurgia, o médico pode pedir que o paciente use um colar cervical macio para estabilizar a coluna vertebral cervical no início do processo de cicatrização. Um fisioterapeuta ou cirurgião irão fornecer informações básicas sobre quando usar um colar ou cinta cervical. Esta serve para deixar o pescoço imóvel durante o período de cicatrização, para que ele fique devidamente apoiado.

Efeito chicote

Os colares cervicais, muitas vezes, são utilizados no tratamento da dor após o paciente sofrer uma lesão chamada “efeito chicote”, causada por um acidente de carro ou por outro problema. O efeito chicote é uma lesão que afeta os tecidos moles da coluna cervical, onde os músculos e os ligamentos se comprimem por causa de um movimento brusco do pescoço. Isso geralmente ocorre por causa de um acidente automobilístico, devido a freadas repentinas ou movimentos bruscos. Os pacientes com esse tipo de lesão costumam sentir dor por várias semanas. Nesses casos, normalmente, o colar cervical é usado de duas a três semanas após a lesão.

Não perca

Filtro:
  • Geral
  • Artigos
  • Slides
  • Vídeos
Mostrar:
  • Mais relevantes
  • Mais lidos
  • Mais recentes

Nenhum artigo disponível

Nenhum slide disponível

Nenhum vídeo disponível