×
Loading ...

O que está comendo minhas folhas de manjericão?

Atualizado em 21 fevereiro, 2017

Quando as folhas do seu pé de manjericão começam a aparecer mordiscadas e você não é o culpado, a causa mais lógica são os insetos. A espécie à qual o manjericão (Ocimum basilicum L.) pertence é propensa a diversos problemas com insetos que podem causar danos às folhas. Lesmas, pulgões, besouros japoneses e ácaros são apenas alguns dos muitos insetos que podem infestar essa planta.

Manjericão (basil image by Renata Osinska from Fotolia.com)

Informações básicas sobre o manjericão

O manjericão é normalmente cultivado por conta do seu aroma e da sua utilidade na cozinha. Existem diversas variedades diferentes de manjericão, todas elas derivadas da planta Ocimum basilicum. As folhas do manjericão podem variar em cor, indo do verde até o roxo, dependendo da planta. Além disso, as variedades também são melhores utilizadas para certos fins; por exemplo, enquanto uma planta pode ser mais adequada em misturas de temperos secos, outra pode ser melhor consumida na salada com vinagre. Um fato interessante sobre o manjericão é que, apesar de tudo, ele pode ser usado como repelente contra insetos, geralmente mosquitos. No entanto, essa propriedade da planta não se estende para todos os insetos e o manjericão é um dos lanches favoritos de muitas espécies de insetos de jardim, comuns ou não.

Loading...

Pestes mais comuns

Alguns dos insetos mais comuns que se alimentam das folhas do manjericão são os pulgões, as lesmas, ácaros e besouros japoneses. Os pulgões são insetos pequenos que literalmente sugam a vida das folhas, deixando pontos descoloridos que eventualmente apodrecem; de longe, as marcas deixadas fazem a folha parecer que foi mastigada. Por outro lado, os danos que as lesmas causam se parecem com mordidas. No entanto, por serem muito lentas, as lesmas geralmente ficam visíveis na planta.

Os ácaros são um problema comum em pés de manjericão e o dano às folhas, apesar de a primeira vista se parecer com as marcas deixadas pelos pulgões, não se parece em nada com marcas de mastigação. Os besouros japoneses, no entanto, são uma verdadeira ameaça e se alimentam das folhas em si, mastigando-as e deixando marcas óbvias.

Pestes raras do manjericão

Nas raras ocasiões em que nenhum dos insetos acima é o culpado da infestação, você pode estar lidando com uma infestação menos comum. Os gafanhotos e os besouros da espécie Phyllophaga são conhecidos por se alimentarem do manjericão em certas ocasiões. Algumas lagartas também podem ser uma ameaça em potencial.

Por último, as formigas também podem trazer problemas para as folhas de manjericão porque são famosas por carregarem e espalharem as cochonilhas-farinhentas, um inseto sugador que tem o potencial de causar muito danos à planta, deixando marcas de mastigação nas folhas.

Prevenção

De acordo com o site basilgardening.com, a maioria das infestações de insetos ocorre por conta de estresse causado pela falta de água, pelo tempo frio e pela falta de luz solar ou de uma boa drenagem. Ou seja, quanto melhor você cuidar do seu manjericão, maiores chances ele terá de evitar ou sobreviver a uma infestação.

Um sabão inseticida também pode ser usado para cobrir as folhas e ajudar a proteger a planta durante os piores períodos da estação ou quando os insetos estiverem mais ativos. Você também pode colocar armadilhas próximas à planta, mas alguns especialistas aconselham não fazer isso, pois você pode acabar atraindo ainda mais insetos para perto do manjericão.

Tratamento

Se o dano causado pelos insetos chegou ao ponto de ser visivelmente óbvio, você deve tomar uma ação imediata e matar os insetos antes que eles matem a planta. Existem diversos tipos de inseticidas disponíveis no mercado que variam dos projetados especificamente para um tipo de peste até aqueles que dizem combater todos os insetos. Todos podem ser eficazes na hora de livrar seu manjericão de uma peste. Para aqueles que preferem usar produtos orgânicos, um spray líquido de algas pode resolver infestações de pulgões, cochonilhas e ácaros. Para eliminar insetos maiores, como besouros e gafanhotos, uma excelente opção é usar um spray com uma mistura de óleo cítrico/limoneno e óleo de canola/piretro.

Loading...

Referências

Loading ...
Loading ...