Comparação entre botas à prova d'água e botas resistentes à água

Escrito por andrea whyte | Traduzido por gabriela vilas boas ornelas
Comparação entre botas à prova d'água e botas resistentes à água
Botas à prova d'água são projetadas para suportar condições climáticas adversas (yellow wellington boots image by Warren Millar from Fotolia.com)

Decidir entre botas à prova d'água e botas resistentes à água se resume a saber em que condições você estará usando-as. Botas resistentes à água podem suportar um pouco de chuva, neve e chuva com neve e podem ser tudo o que você precisa para usar no dia a dia. Se suas botas serão submergidas em água por um maior período de tempo, no entanto, você deve optar por uma à prova d'água, pois essas botas são testadas para garantir que elas possam aguentar até as condições mais severas.

Qual é a diferença?

Botas resistentes à água são projetadas para repelir um pouco de água, baseado na trama ou tratamento do tecido. Tecidos resistentes à água podem se molhar, mas não vão te manter seco em chuvas fortes. Isso inclui a maioria dos couros, vinil e náilon. Botas a prova d'água não serão penetradas por água e são feitas ou de tecidos com uma trama bem fechada (algumas marcas de poliéster) ou de tecidos não porosos, incluindo borracha e plastico.

Teste

Para serem rotuladas e vendidas como resistentes à água ou à prova d'água, essas botas devem passar por testes para demonstrar seu grau de resistência. Esse tipo de teste é conhecido como teste de pressão hidrostática. O referido teste requer que se coloque uma coluna de água sobre o item ou tecido, e a medição da pressão hidrostática é determinada por quanta pressão de água o tecido aguenta sem vazar. Para serem consideradas à prova d'água, as botas devem ser capazes de suportar ao menos 1 litro de água; as solas devem ser capazes de suportar ainda mais devido ao seu uso. Botas resistentes à água, no entanto, geralmente suportam em torno de 200 mL.

Quando usar botas resistentes à água

Botas resistentes à água são indicadas para a maioria das condições diárias, incluindo chuva, neve moderada e chão molhado. Essas botas podem te ajudar a manter-se seco e aquecido e podem ser usadas para trabalho ao ar livre no inverno e no verão. Para o verão, você pode optar por tecidos mais leves e arejados como o as marcas de poliéster ou náilon. Para o inverno, o couro pode ser apropriado, mas ele deve ser tratado para proteger o visual da bota.

Quando usar à prova d'água

Se você trabalha em condições adversas ou ao ar livre durante todo o ano, escolha uma bota à prova d'água, pois as botas apenas resistentes não vão protegê-lo de chuvas fortes ou nevascas. Botas à prova d'água devem resistir à submersão em neve ou água e são, portanto, recomendadas para uma aventura ou atividades de acampamento, assim como pescaria ou trilha. Também são recomendadas para quem trabalha nas ruas da cidade, em parques ou em fábricas com ambiente escorregadio. Botas de borracha são particularmente versáteis para o uso diário ao ar livre.

Equívocos

As pessoas frequentemente assumem que "resistente à água" e "repele água" são o mesmo que à prova d'água, mas essa suposição pode ser perigosa. Se os seus pés não estiverem devidamente protegidos, você pode ficar suscetível à hipotermia ou enregelamento, entre outras situações causadas pela água. Fique alerta às condições sob as quais os seus pés serão expostos e confira as etiquetas de suas botas. Elas devem fornecer as medições de pressão hidrostática que vão revelar exatamente o quão resistente à água ou à prova d'água suas botas realmente são.

Filtro:
  • Geral
  • Artigos
  • Slides
  • Vídeos
Mostrar:
  • Mais relevantes
  • Mais lidos
  • Mais recentes

Nenhum artigo disponível

Nenhum slide disponível

Nenhum vídeo disponível