Como comparar lubrificantes oftálmicos

Escrito por travis sharpe | Traduzido por cezar rosa
  • Compartilhar
  • Tweetar
  • Compartilhar
  • Pin
  • E-mail
Como comparar lubrificantes oftálmicos
Veja as diferenças nos colírios (medicine dropper image by jimcox40 from Fotolia.com)

Os colírios de lágrimas artificiais estão disponíveis sem necessidade de prescrição médica para aliviar problemas como ardor, coceira e olhos lacrimejantes. Existem muitas opções de colírios, podendo ser difícil escolher qual delas irá ajudar um problema específico.

Outras pessoas estão lendo

Com ou sem conservantes

As lágrimas artificiais podem ser encontradas em um frasco contendo um conservante e diversas doses de colírio. Os conservantes evitam a contaminação da lágrima artificial. As sem conservante vêm em frascos de uso único e não podem ser usadas mais de uma vez sem correr o risco de contaminação. A Clínica Mayo afirma que, se alguém precisa de lágrimas artificiais mais de quatro vezes por dia, deve-se usar uma lágrima artificial sem conservantes, para evitar toxicidade deste.

Viscosidade

Existem muitos tipos de lágrimas artificiais. No entanto, a maioria delas são divididas em categorias dependendo do nível da secura ocular, sendo suave, moderada ou grave. Essas categorias são baseadas na viscosidade ou espessura do colírio. Quanto mais grave é a irritação do olho, maior a viscosidade, ou espessura, da lágrima artificial.

Cloreto de benzalcônio

O cloreto de benzalcônio é um conservante para as pessoas que podem desenvolver uma reação, incluindo vermelhidão e ardor dos olhos. Existem vários tipos de lágrimas artificiais que utilizam um conservante que não seja o cloreto de benzalcônio.

Não perca

Filtro:
  • Geral
  • Artigos
  • Slides
  • Vídeos
Mostrar:
  • Mais relevantes
  • Mais lidos
  • Mais recentes

Nenhum artigo disponível

Nenhum slide disponível

Nenhum vídeo disponível