Comparativo entre subwoofers de 8 e 10 polegadas

Escrito por david lipscomb Google | Traduzido por eduardo horst maidana
  • Compartilhar
  • Tweetar
  • Compartilhar
  • Pin
  • E-mail
Comparativo entre subwoofers de 8 e 10 polegadas
Subwoofers de tamanhos diferentes podem resultar em respostas de som diferentes (Comstock/Comstock/Getty Images)

Apesar da diferença do diâmetro útil dos alto-falantes ser de apenas duas polegadas entre os subwoofers de 8 e 10 polegadas, algumas vezes a diferença na potência e nos atributos gerais faz uma grande diferença. Entretanto, como mesmo dois subwoofers de tamanhos idênticos podem ser significativamente diferentes, você perceberá que existem características mais importantes nos subwoofers do que simplesmente o tamanho de seus cones.

Outras pessoas estão lendo

Diâmetro da bobina de voz

Subwoofers de 8 e 10 polegadas de diâmetro geralmente têm bobinas de voz de tamanhos diferentes. Esse dispositivo é um fio de metal que transfere a potência do amplificador para um campo eletromagnético, fazendo com que o driver se mova para frente e para trás. O tamanho da bobina de voz possui geralmente relação direta com o manejo de potência. Lembre-se de que apesar de esse ser geralmente o caso, você deve sempre prestar atenção ao manejo de potência e a performance de baixa frequência expressa em hertz, ao invés de apenas o tamanho do alto-falante.

Extensão de frequência

A extensão de baixa frequência é medida em hertz, e você deve buscar sempre o menor número possível. Por exemplo, um subwoofer que desce a frequência até 18 hertz produz mais baixos viscerais do que um que chegue a 22 hertz. Isso é verdadeiro independentemente da área do cone. A dimensão da caixa, nesse caso, faz mais diferença do que o tamanho do driver, devido à forma que os alto-falantes respondem às caixas. Caixas maiores geralmente ajudam na extensão de baixa frequência, enquanto caixas menores economizam espaço, mas sacrificam a extensão. Consulte a documentação do subwoofer para ver o tipo de caixa para qual o aparelho foi projetado.

Excursão

Quanto maior a potência que o subwoofer pode lidar geralmente traduz o quanto o driver pode se mover, o que é chamado de excursão, que por sua vez traduz a quantidade de energia de baixo que o subwoofer pode produzir. Como o baixo é uma função da quantidade de ar que o alto-falante pode pressurizar em um determinado espaço, quanto mais o driver se move, mais ar ele desloca. Isso resulta em um baixo mais poderoso. Para dois subwoofers semelhantes de 8 e 10 polegadas, teoricamente o de 10 polegadas deve deslocar mais ar. Subwoofers menores geralmente tem menos excursão, dadas suas suspensões e materiais mais fracos.

Tamanho do cômodo

Em sons automotivos, um fenômeno chamado transferência de cabine reforça naturalmente a resposta aos baixos. Isso é devido ao espaço relativamente pequeno em que o ouvinte se encontra. Nesse ambiente, subwoofers únicos de 8 ou 10 polegadas são muitas vezes indistinguíveis. Contudo em sons domésticos ou home theaters, o tamanho da sala é crítico na performance. Colocando um subwoofer pequeno você ouve pouco baixo, e colocando um muito grande você desperdiça dinheiro e espaço. Entre subwoofers de 8 e 10 polegadas, essas considerações são muito pequenas para fazer uma diferença significativa. Contudo, adicionar um segundo subwoofer idêntico do mesmo tamanho em espaços maiores do que 300 metros quadrados neutralizam bastante os picos e vales sonoros naturais da resposta de baixos.

Não perca

Filtro:
  • Geral
  • Artigos
  • Slides
  • Vídeos
Mostrar:
  • Mais relevantes
  • Mais lidos
  • Mais recentes

Nenhum artigo disponível

Nenhum slide disponível

Nenhum vídeo disponível