Como compilar uma ROM Android

Escrito por kirk bennet | Traduzido por allan magalhães
  • Compartilhar
  • Tweetar
  • Compartilhar
  • Pin
  • E-mail
Como compilar uma ROM Android
As ROMs Android podem ser usadas em quaisquer dispositivos baseados no Android (Jupiterimages/Photos.com/Getty Images)

O Android é um sistema operacional versátil projetado para dispositivos móveis. Ele é similar ao sistema Linux, e na verdade, o "kernel" (núcleo) do Android é baseado nos serviços essenciais do Linux. Por exemplo, o gerenciamento de memória e processador foi feito a partir dele. Caso queira adicionar ou remover certas funções do sistema Android e criar sua própria versão personalizada, será preciso instalar as ferramentas necessárias para trabalhar com os códigos-fontes e kernels do Android, obter um código-fonte e kernel, editá-lo e compilá-lo em uma ROM Android completamente funcional. Para facilitar o processo, você deve usar o sistema operacional Ubuntu.

Outras pessoas estão lendo

O que você precisa?

  • Celular com Android
  • Cabo USB do celular

Lista completaMinimizar

Instruções

  1. 1

    Abra o Terminal do Ubuntu — um serviço similar ao Prompt de Comando do Windows — indo para o menu principal, selecionando "Acessórios" e clicando no ícone "Terminal".

  2. 2

    Instale o Java. Para isso, digite esse código na janela do Terminal e pressione a tecla "Enter" para executá-lo:

    sudo apt-get install sun-java5-jdk

    Uma senha será solicitada. Insira a senha que você utiliza para fazer login no seu computador com Ubuntu.

  3. 3

    Instale o resto das ferramentas e serviços necessários para o Android executando esses comandos:

    sudo apt-get install git-core gnupg flex bison gperf libsdl-dev libesd0-dev libwxgtk2.6-dev build-essential zip curl libncurses5-dev zlib1g-dev valgrind

  4. 4

    Construa uma estrutura de pastas e obtenha uma cópia do script do repositório do Android. Dê acesso total de leitura e escrita ao script. Você precisará dele para obter uma cópia pública do código-fonte do Android. Use esses comandos:

    cd /home/*seu-nome-de-usuário mkdir myandroid mkdir bin curl http://android.git.kernel.org/repo > ~/bin/repo chmod a+x ~/bin/repo

  5. 5

    Utilize o script do repositório do Android para baixar o conjunto de ferramentas oficiais da Google e o arquivo do código-fonte público do Android. Execute esses comandos no Terminal:

    cd ~/myandroid ~/bin/repo init -u git://android.git.kernel.org/platform/manifest.git ~/bin/repo sync

  6. 6

    Verifique o código-fonte do Android usando a chave pública oficial. É preciso copiá-la primeiro para uma pasta temporária através da execução de um comando longo. Copie e cole esse código na janela do Terminal e pressione a tecla "Enter":

    echo "-----BEGIN PGP PUBLIC KEY BLOCK----- Version: GnuPG v1.4.2.2 (GNU/Linux) mQGiBEnnWD4RBACt9/h4v9xnnGDou13y3dvOx6/t43LPPIxeJ8eX9WB+8LLuROSV lFhpHawsVAcFlmi7f7jdSRF+OvtZL9ShPKdLfwBJMNkU66/TZmPewS4m782ndtw7 8tR1cXb197Ob8kOfQB3A9yk2XZ4ei4ZC3i6wVdqHLRxABdncwu5hOF9KXwCgkxMD u4PVgChaAJzTYJ1EG+UYBIUEAJmfearb0qRAN7dEoff0FeXsEaUA6U90sEoVks0Z wNj96SA8BL+a1OoEUUfpMhiHyLuQSftxisJxTh+2QclzDviDyaTrkANjdYY7p2cq /HMdOY7LJlHaqtXmZxXjjtw5Uc2QG8UY8aziU3IE9nTjSwCXeJnuyvoizl9/I1S5 jU5SA/9WwIps4SC84ielIXiGWEqq6i6/sk4I9q1YemZF2XVVKnmI1F4iCMtNKsR4 MGSa1gA8s4iQbsKNWPgp7M3a51JCVCu6l/8zTpA+uUGapw4tWCp4o0dpIvDPBEa9 b/aF/ygcR8mh5hgUfpF9IpXdknOsbKCvM9lSSfRciETykZc4wrRCVGhlIEFuZHJv aWQgT3BlbiBTb3VyY2UgUHJvamVjdCA8aW5pdGlhbC1jb250cmlidXRpb25AYW5k cm9pZC5jb20+iGAEExECACAFAknnWD4CGwMGCwkIBwMCBBUCCAMEFgIDAQIeAQIX gAAKCRDorT+BmrEOeNr+AJ42Xy6tEW7r3KzrJxnRX8mij9z8tgCdFfQYiHpYngkI 2t09Ed+9Bm4gmEO5Ag0ESedYRBAIAKVW1JcMBWvV/0Bo9WiByJ9WJ5swMN36/vAl QN4mWRhfzDOk/Rosdb0csAO/l8Kz0gKQPOfObtyYjvI8JMC3rmi+LIvSUT9806Up hisyEmmHv6U8gUb/xHLIanXGxwhYzjgeuAXVCsv+EvoPIHbY4L/KvP5x+oCJIDbk C2b1TvVk9PryzmE4BPIQL/NtgR1oLWm/uWR9zRUFtBnE411aMAN3qnAHBBMZzKMX LWBGWE0znfRrnczI5p49i2YZJAjyX1P2WzmScK49CV82dzLo71MnrF6fj+Udtb5+ OgTg7Cow+8PRaTkJEW5Y2JIZpnRUq0CYxAmHYX79EMKHDSThf/8AAwUIAJPWsB/M pK+KMs/s3r6nJrnYLTfdZhtmQXimpoDMJg1zxmL8UfNUKiQZ6esoAWtDgpqt7Y7s KZ8laHRARonte394hidZzM5nb6hQvpPjt2OlPRsyqVxw4c/KsjADtAuKW9/d8phb N8bTyOJo856qg4oOEzKG9eeF7oaZTYBy33BTL0408sEBxiMior6b8LrZrAhkqDjA vUXRwm/fFKgpsOysxC6xi553CxBUCH2omNV6Ka1LNMwzSp9ILz8jEGqmUtkBszwo G1S8fXgE0Lq3cdDM/GJ4QXP/p6LiwNF99faDMTV3+2SAOGvytOX6KjKVzKOSsfJQ hN0DlsIw8hqJc0WISQQYEQIACQUCSedYRAIbDAAKCRDorT+BmrEOeCUOAJ9qmR0l EXzeoxcdoafxqf6gZlJZlACgkWF7wi2YLW3Oa+jv2QSTlrx4KLM= =Wi5D -----END PGP PUBLIC KEY BLOCK-----"> /tmp/android.gpg

  7. 7

    Copie a chave do arquivo GPG temporário para o key ring do Android usando esses comandos no terminal:

    gpg --import < /tmp/android.gpg rm -rf /tmp/android.gpg

    O segundo comando remove o arquivo temporário.

  8. 8

    Inicie o seu navegador favorito e vá até a página da "HTCDev's Kernel Source Code" (veja em referências). Esse site contém dezenas de kernels Android, mas você precisará de apenas um. Selecione o "HTC EVO Shift 4G (Sprint WWE) - MVNOCRC - 2.6.32 kernel source code" e clique no botão "Download" (Baixar). Salve o arquivo contendo o kernel na sua área de trabalho.

  9. 9

    Crie uma nova pasta para colocar o novo kernel executando esse comando no Terminal:

    mkdir ~/.EVO_Kernel_sources

  10. 10

    Abra o Nautilus, o explorador de arquivos nativo do Ubuntu. Pressione simultaneamente as teclas "Ctrl" e "H" para visualizar as pastas e arquivos ocultos. Abra a pasta "EVO_Kernel_sources".

  11. 11

    Vá para a área de trabalho e clique duas vezes no arquivo contendo o código-fonte EVO. O arquivo possui uma única pasta. Arraste-a da janela do arquivo para a pasta "EVO_Kernel_sources", no Nautilus.

  12. 12

    Estabeleça a estrutura das pastas necessárias para a sua nova ROM Android. Um arquivo no lugar errado tem o potencial de destruir a sua ROM customizada. Execute esses comandos no Terminal para criar a estrutura das pastas e um link para o código-fonte do kernel EVO:

    cd ~ mkdir android cd android mkdir sources cd sources ln -s /home/seu_nome_de_usuário/.EVO_Kernel_sources/*Nome_da_pasta_extraída kernel

    Insira seu nome de usuário verdadeiro e o nome exato da pasta que foi extraída do arquivo do kernel EVO.

  13. 13

    Conecte o celular ao computador usando o cabo de transferência USB. Copie o arquivo de configuração do celular para a pasta "/android/sources/kernel" no seu computador. Execute esses comandos no Terminal:

    adb pull /proc/config.gz ~/android/sources/kernel/ cd ~/android/sources/kernel/ gunzip config.gz

  14. 14

    Configure as opções do kernel executando esse comando:

    make menuconfig

  15. 15

    Na tela que aparecerá, selecione "Load an Alternative Configuration File" (Carregar um arquivo de configuração alternativo) e pressione a tecla "Enter". Quando for solicitado o caminho até o arquivo de configuração, use esse código e pressione a tecla "Enter" mais uma vez:

    /home/seu-nome-de-usuário/android/sources/kernel/config

  16. 16

    Selecione as opções de desenvolvimento se desejar editar o kernel. Se quiser uma ROM customizada, editar o kernel será a parte mais importante. É possível selecionar os "governors" (governadores) do processador, ativar ou desativar o uso de dispositivos USB, funções de redes específicas, e até mesmo adicionar suporte para outros sistemas de arquivos.

  17. 17

    Feche a janela de configuração quando terminar de customizar a ROM. Clique no botão "Yes" (Sim) quando for solicitado e salve o arquivo. Um arquivo oculto chamado ".config" será criado na pasta do kernel.

  18. 18

    Compile a ROM Android customizada executando esses comandos no Terminal:

    make export KERNEL_DIR=~/android/sources/kernel cd ~/myandroid/system/wlan/ti/sta_dk_4_0_4_32/ make clean make

  19. 19

    Aguarde alguns minutos até que a ROM seja compilada. Provavelmente não ocorrerá erros. Carregue a nova ROM no seu celular Android para verificar se tudo está funcionando.

Não perca

Filtro:
  • Geral
  • Artigos
  • Slides
  • Vídeos
Mostrar:
  • Mais relevantes
  • Mais lidos
  • Mais recentes

Nenhum artigo disponível

Nenhum slide disponível

Nenhum vídeo disponível